POUSADA DA PAIXÃO

POUSADA DA PAIXÃO

COMERCIAL JR

COMERCIAL JR

VIP

VIP

RC TECIDOS

RC TECIDOS

MANDACARU PERSONALIZAÇÃO

MANDACARU PERSONALIZAÇÃO

NORDESTE MOTOS

NORDESTE MOTOS

sexta-feira, 3 de junho de 2016

CARUARU: DOIS INTERNOS DA FUNASE SÃO ACUSADOS DE TORTURAR OUTRO SÓCIO EDUCANDO E VÃO PARAR NO PRESÍDIO.


Assim como já existem os serviços de inteligência do Sistema Penitenciário, da Polícia Rodoviária Federal e da Polícia Militar, a Funase (Fundação de Atendimento Socioeducativo) de Caruaru, implantou a sua equipe de investigação denominada de GOC (Grupo Operacional de Contenção) e a turma composta pelos agentes socioeducativos Adelson Sobral, Josivan Freire, Irailson, Artur, Célio e Michel, conseguiu descobrir que dois dos internos teriam torturado um outro reeducando.

Os internos, José Eduardo da Silva, vulgo “Du” de 18 anos, que mora no bairro Alto do Jequirí em Riacho das Almas e Gesiel Silva Calau, de 18 anos, que é do bairro Coqueiral de Toritama, foram acusados pelo também interno Jesiel Araújo dos Santos, de 18 anos, de terem lhe espancado, lhe ameaçado e lhe torturado durante toda a noite e madrugada de ontem pra hoje, inclusive com choques elétricos. A motivação de tanta violência seria uma liderança que o “Du” exerce sobre os demais internos e foi tratado pela vítima como “meu filho” o que segundo os próprios jovens é um tratamento desrespeitoso. “Du” estava cumprindo medida socioeducativa acusado de homicídio em Riacho e o Gesiel por assalto.


O delegado do plantão, Dr. Renato Gayão, disse que os agentes socioeducativos provavelmente evitaram uma rebelião, já que puderam conter os ânimos exacerbados dos internos. Ele autuou os dois rapazes pelo crime de tortura e os encaminhou á Penitenciária Juiz Plácido de Souza.