TEFNET

TEFNET

ERGO 30

ERGO 30

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

VIP

VIP

CENTRAL BURGUER

CENTRAL BURGUER

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

NORDESTE RASTREAMENTO 24H

NORDESTE RASTREAMENTO 24H

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

DELEGACIA DE CARPINA FOI ARROMBADA




A Delegacia de Carpina, a 52 quilômetros do Recife, foi arrombada na noite de ontem (10) por bandidos que, provavelmente, levaram um celular e drogas que estavam apreendidas no Cartório da unidade. Há quase dois meses a Delegacia de Carpina espera por reformas, que estão sendo feitas a passos de tartaruga. O local onde funciona a polícia judiciária de Pernambuco no município é uma casa alugada. No final de junho, uma árvore caiu sobre o imóvel que foi parcialmente destruído.
Segundo o delegado titular no município, Diego Pinheiro de Souza, o setor de Engenharia da Polícia Civil atestou que o imóvel não tem condições de comportar a delegacia e que uma provável reforma iria demandar muito gasto. Ele não entende porque a SDS continua investimento no imóvel. "Por causa disso, estamos funcionando em três salas exteriores ao prédio, de forma precária. Eu tive que comprar lâmpadas, comprar uma porta e estava esperando verbas da polícia para gradear essas portas, que ficam na parte exterior do prédio. Como houve arrombamentos anteriores nessas salas, eu solicitei as verbas para aumentar a segurança dos documentos e equipamentos. Não saiu a verba e aconteceu outro arrombamento", denunciou.
Depois dessa ocorrência, todo o material da delegacia será trancado em uma sala no interior do imóvel e o atendimento será interrompido até que a verba para o incremento na segurança chegue.
Segundo policiais da cidade, A SDS (Secretaria de Defesa Social) enviou um ônibus (unidade móvel) da Polícia para a cidade, mas este não comporta o trabalho de lavratura de Boletins de Ocorrência, fazendo com que a população faça filas para receber atendimento da Polícia Civil.
A Adeppe (Associação de Delegados de Polícia de Pernambuco) apurou que os bandidos atentaram contra a delegacia pelo telhado, para depois forçarem a porta de alumínio e entrar no cartório. O Instituto de Criminalística vai fazer a perícia do local.

A Adeppe vai exigir a responsabilização criminal pela situação precária em da Delegacia de Carpina. "Indignação é a palavra que vem à cabeça dos delegados de polícia, não temos mais o que dizer", resume Francisco Rodrigues, presidente da Adeppe.