TEFNET

TEFNET

ERGO 30

ERGO 30

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

VIP

VIP

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

DONA MACAXEIRA

DONA MACAXEIRA

AGRESTE CENTRAL PERNAMBUCO

quinta-feira, 6 de julho de 2017

NIA E PRONTA RESPOSTA RECUPERAM DOIS CARROS ROUBADOS E APREENDEM DROGA EM CARUARU





No final da manhã desta quarta-feira (05), após levantamento realizado pelo Sargento “Lobo Solitário”  do NIA (Núcleo de Inteligência do Agreste), os soldados Edinailton, J. Oliveira, Germana, S. Moura e Fonseca da GE Pronta Resposta, dirigiram-se a Rua Padre Zacarias Tavares, no bairro Indianópolis, onde encontraram na garagem da residência o veículo Fox cinza, placa PEW-7563 com restrição de roubo ou furto e quando indagaram o  morador, Handerson Andrade de Vasconcelos Silva, de 32 anos, o mesmo informou que quem havia deixado este veículo naquele local teria sido o seu amigo Hallysson, porém ao manter contato este informou que enviaria uma pessoa para buscar um veículo Fiat Pálio branco, placa PCI-1072; que se encontrava em um endereço próximo. Ao consultar a situação dos veículos os policiais constataram que ambos estavam com restrição de roubo, nisso foi dada voz de prisão também ao Marcos Ribeiro de Vasconcelos, de 25 anos, residente na Rua São Julião, no centro da cidade.



Os PMs foram atrás do Hallysson Breno Gomes de Morais, de 29 anos, na sua casa na Rua Presidente Médici, na Vila Kennedy, porém ele fugiu pelos fundos e no interior de sua casa foram encontrados aproximadamente 40 gramas de crack, que fracionados renderiam 200 pedras da droga e uma balança de precisão, ele já foi preso várias vezes. Durante a busca na residência do Handerson foram encontradas uma garrucha e uma touca ninja. O Hallysson foi indiciado por tráfico e o delegado deve solicitar a justiça a sua prisão preventiva, inclusive ele foi reconhecido pelas duas vítimas que tiveram o seus veículos roubados.



O Handerson e o Marcos foram apresentados no plantão da 1ª DP, onde foram autuados em flagrante por receptação, nisso foi arbitrado fiança no valor de R$ 7.000,00 em desfavor do Handerson, que pagou e foi solto na delegacia. Já em desfavor do Marcos foi arbitrado fiança no valor de R$ 5.000,00, o qual não foi paga, e consequentemente ele será conduzido para audiência de custódia.