PREFEITURA DE CARUARU

AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

domingo, 20 de outubro de 2013

DOIS HOMENS FORAM ASSASSINADOS DURANTE BEBEDEIRA EM CARUARU E O ASSASSINO FOI PRESO PELA PM, QUANDO TENTAVA FUGIR.



O assassino foi preso em flagrante.



Wedson, que era deficiente, foi morto a facadas.







Cosmo, foi morto por esganadura.




Os soldados Vicente e Juciane, fizeram o isolamento do local.

Este foi mais um crime de proximidade, registrado em Caruaru.


O assassino, disse que estava indo a feira da sulanca, para passar a noite escondido nos bancos e que fugiria pela manhã.

Quatro homens estavam bebendo na noite de ontem (sábado, dia 19), no sítio Cipó em Caruaru e o que deveria ter acabado bem, terminou em tragédia com dois deles assassinados. O dono do imóvel, Wedson Severo da Silva, de 34 anos e Cosmo Ramos de Lima, de 42.
O Capitão Martins, que estava comandando o policiamento, informou que este tipo de crime é impossível de ser previsto.
Segundo testemunhas, as vítimas passaram o dia bebendo com um vizinho identificado por Alex e o assassino, Robério Cavalcante da Silva, de 28 anos, e por volta das 22:15h, se desentenderam e o Wedson deu um soco no rosto de Robério, que pegou a faca de serra no prato de tira gosto e desferiu alguns golpes em Wedson que morreu no local. Cosmo estava sentado no sofá e ao ver o amigo sendo morto, começou a gritar pedindo socorro e foi esganado pelo marginal, que apertou seu pescoço com as mãos. Alex só não foi assassinado porque conseguiu correr pelos fundos do imóvel.

A Polícia Militar foi informada do duplo homicídio e a Central de Rádio acionou todas as guarnições da rua como Operações, NIA, ROCAM, Malhas da Lei e guarnições de área, para tentar prender o assassino e diante das características repassadas pela Central, os soldados Ivanildo Pereira e J. Macedo, fazendo incursões no bairro Petrópolis e conseguiram localizar e prender o algoz que confessou está residindo em Caruaru há apenas 6 meses, onde trabalhava com descarregador de caminhão na Ceaca e havia fugido do sistema prisional de Alagoas, pois o mesmo é condenado a 25 anos por ter matado um desafeto há 7 anos.

Delegado Márcio Cruz.
Apresentado no plantão da Força Tarefa, foi autuado em flagrante pelo delegado da 20ª DPH, Dr. Márcio Cruz, e após os procedimentos, o assassino foi encaminhado ao presídio de Caruaru.