AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

FOCUS CURSOS

FOCUS CURSOS

sexta-feira, 4 de setembro de 2020

COLUNA OPINIÃO DA MULHER COM A CONTADORA, PERITA CONTÁBIL E REPRESENTANTE DO GRUPO ORGULHO DOWN MANUELA LIMA.

 


A EDUCAÇÃO NA PANDEMIA: QUAL O MOMENTO PARA VOLTA AS AULAS?

Essa semana, a discussão da volta às aulas em meio à pandemia do novo coronavírus (covid-19) ganhou força com a liberação das aulas do ensino superior. Essa retomada será de forma gradual, começando com 25% da  capacidade de alunos, concluindo em 100% até o final do mês  de setembro. A educação básica permanece suspensa.

Mas seria esse o momento adequado para o retorno?  Afinal ainda estamos com este vírus de fácil transmissão e altamente contagioso em nossa cidade, estado, país: no nosso planeta. E, infelizmente, a forma de PREVENÇÃO ainda é o distanciamento social, pois a prevenção primária -  que impede a ocorrência das doenças antes que elas se desenvolvam no organismo do individuo (vacina) – ainda encontra-se em FASE de testes.

É imprescindível pensar que estudantes e docentes infectados podem ser assintomáticos e transmitirem o vírus para a população que está em casa como familiares com problemas respiratórios ou pessoas mais idosas, considerados grupo de risco. Uma retomada das aulas sem segurança e foco na saúde impactaria negativamente toda a sociedade em pouco tempo.

Existem duas preocupações em foco neste momento: o ano letivo, onde muitos consideram perdido, e, a economia, pois devido às aulas estarem sendo remotas ocorreu o desconto nas mensalidades. Em nossa cidade a condução das aulas durante essa pandemia foi uma verdadeira bagunça! Inúmeras dificuldades foram encontradas, do acesso às aulas até a distribuição do kit merenda (muitas famílias não receberam ainda nem a segunda etapa dos alimentos).

O processo de aprendizagem é uma das responsabilidades da escola, que deve também socializar e educar para a cidadania. É considerável pensar que, em momento de pandemia, preocupar-se apenas com o conteúdo ou o financeiro é errôneo. O importante é professores, estudantes, pais e demais membros da comunidade estarem seguros e vivos.

ESSA FOI MINHA OPINIÃO DE MULHER DE HOJE. Acompanhe-me através das Redes Sociais: Instagram: manuelalima159 e Facebook: Manuela Lima