PREFEITURA DE CARUARU

PREFEITURA DE CARUARU

AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

quarta-feira, 18 de agosto de 2021

ADVOGADO FOI ASSASSINADO NO SÍTIO ENCANTO, EM CARUARU

 



Um advogado foi executado no início da tarde desta quarta-feira (18), no Sítio Encanto, as margens da Barragem Cipó, na periferia de Caruaru. José Carlos Rodrigues de Figueiredo, de 42 anos, foi assassinado com vários tiros na cabeça. Testemunhas disseram que ele foi ao local visitar um terreno de sua propriedade e foi morto após discutir com um homem que estava num cavalo.

O delegado que está investigando o caso é o Dr. Elton Rodrigues, esteve no local com a sua equipe, acompanharam a perícia que foi realizada pelo IC – Instituto de Criminalística e colheram depoimentos de familiares do advogado e de testemunhas e pelo que apurou até o momento apurou que a vítima possuía alguns lotes na localidade, foi ver os seus lotes quando foi surpreendido com a chegada do algoz que a executou com vários tiros na cabeça. Outra informação que está sendo checada é que o cavalo do algoz estaria comendo a pastagem em um dos lotes da vítima e que este elemento também teria construído um casebre em um dos lotes da vítima que ao ver o animal pastar na sua propriedade teria obrigado o algoz a retirar o animal, ele teria se negado, discutiram e o elemento entrou no casebre, pegou uma arma de fogo e matou a vítima, mas tudo isso está sendo investigado.

O corpo do advogado foi encaminhado para o IML local.


A OAB CARUARU EMITIU NOTA SOBRE O ASSASSINATO DO ADVOGADO


No final da manhã desta quarta-feira a OAB Caruaru tomou conhecimento de que o advogado José Carlos Rodrigues de Figueiredo, inscrito nesta Subseção, foi vítima de assassinato na zona rural da cidade. Imediatamente o presidente da Subseção, Fernando Santos Júnior, e o presidente da Comissão de Defesa, Assistência e Prerrogativas, Elmo Monteiro, se dirigiram ao local para acompanhar as investigações, e verificar se o crime cometido tinha ligação com o exercício profissional da vítima.

No local, o delegado da Polícia Civil, Elton Rodrigues, já havia iniciado as investigações, e informou que o suspeito estava foragido. O Instituto de Criminalística e o Instituto de Medicina Legal também estavam no local para realizar os procedimentos padrões da investigação.

A Subseção agradece a assistência da Polícia Militar, Civil e Científica, e confia no trabalho de investigação realizado pela Polícia Civil. A OAB Caruaru seguirá acompanhando o caso para que o culpado seja identificado e devidamente punido.

A OAB Caruaru lamenta profundamente e presta solidariedade aos familiares e amigos da vítima.