PREFEITURA DE CARUARU

PREFEITURA DE CARUARU

AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

sexta-feira, 20 de agosto de 2021

COLUNA OPINIÃO DE MULHER COM A ENFERMEIRA E PROFESSORA UNIVERSITÁRIA NAYARA SOUSA

 


Porque a Variante Delta Preocupa Tanto?

Nos últimos dias a variante Delta tem sido o centro das atenções no mundo. Em Pernambuco, foi confirmada a sua circulação, o que nos deixa em sinal de alerta e instiga o poder público a trabalhar para intensificar a vacinação.

Identificada pela primeira vez na Índia, em outubro do ano passado, a variante Delta se espalhou pelo mundo e está presente em mais de cem países, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). A aceleração de contágio no Brasil levanta preocupações devido à maior transmissibilidade e à redução da eficácia de primeira dose de vacinas contra covid-19 – como resposta, diferentes Estados, estão adiantando a segunda dose para garantir a imunização mais rápido.

A baixa cobertura vacinal da segunda dose no país, torna a situação mais preocupante, visto que, se não ampliada a imunização o mais rápido possível, essa variante poderá intensificar o processo de adoecimentos e internamentos. Estudos mostram que pessoas com a imunização completa (duas doses), possuem alta proteção contra as formas graves da doença.

O Brasil tem um número elevado de pessoas que já foram contaminadas por Covid-19, se for intensificada a vacinação, existe uma grande possibilidade de, mesmo sendo mais transmissível, os impactos não sejam tão devastadores. O que se pode afirmar é a importância da vacinação e da manutenção das medidas preventivas que todos nós já sabemos.

É importante destacar que os sintomas da contaminação pela Delta são um pouco diferentes das outras variantes. O olfato e paladar não costumam ser afetados. Os sintomas iniciais mais comuns são: dor de cabeça, nariz escorrendo, garganta dolorida e febre. Por serem muito semelhantes a quadros de alergia ou resfriados, a população poderá se confundir, e continuar com sua rotina normal, levando a uma maior contaminação. Não se sabe se essa variante é mais letal, pois por se disseminar mais rápido, poderá contaminar mais pessoas, e pela lógica: mais doentes, mais mortes.  

Diante de tantas incertezas, vamos continuar nos cuidando e cobrando mais vacinas para a população!

Essa foi a minha Opinião de Mulher de hoje. Me acompanhe através do Instagram: @nayara_gsousa.