TEFNET

TEFNET

ERGO 30

ERGO 30

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

VIP

VIP

CENTRAL BURGUER

CENTRAL BURGUER

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

NORDESTE RASTREAMENTO 24H

NORDESTE RASTREAMENTO 24H

terça-feira, 15 de março de 2016

DUAS PESSOAS MORREM E DUAS FICAM FERIDAS EM ACIDENTE AUTOMOBILÍSTICO NA PE 95 EM CARUARU.

Gefeson, trabalhava na CP Construções.



Adriana, estava indo com o pai fazer uma entrega de lanches em Riacho das Almas.




Os socorristas doa Samu, Aldo Soares e Adriano Emanoel, participaram dos socorro as vítimas.

Um trágico acidente automobilístico envolvendo duas motos e um veículo auto passeio, ocorrido no final da tarde desta segunda-feira (14) na PE 95, entre o Forró do Cibiu e a entrada do sítio Barbatão, na zona rural de Caruaru, deixou um saldo de duas pessoas mortas e duas feridas. As vítimas fatais são: Adriana Cícera da Silva, de 28 anos, que morava na rua Monte Urais, no bairro Santa Rosa e Gefeson Alfredo da Silva, de 23 anos, que residia em Cumarú, já os feridos são: o mototaxista, Adriano Norberto da Silva, de 48 anos, que é o pai da Adriana e o condutor do carro que não teve o nome divulgado. Os veículos envolvidos são: um Fiat Uno Economille prata, placa OYM-6952 de Caruaru, uma moto Honda Pop 100 preta, placa PEO-1567 de Bezerros (guiada por Gefeson) e uma motocicleta Yamaha Factor vermelha, placa PDO-3235 de Caruaru (guiada pelo mototaxista Adriano).

De acordo com Adriano Norberto, que é da praça de mototaxi em frente ao Hospital Regional do Agreste (HRA), ele estava guiando a sua motocicleta acompanhado da filha, Adriana, que morava com ele, estavam indo a cidade de Riacho das Almas para fazerem uma entrega de lanches e no trajeto viram o carro que vinha no sentido contrário, pegar a contramão e colidir frontalmente na moto Pop 100 preta, guiada pelo Gefeson, que era funcionário da empresa CP Construção e foi arremessada para fora da pista e o carro ficou desgovernado e mesmo vendo o carro vindo em sua direção, o mototaxista disse que nada pôde fazer, pois estava na sua mão e como vinha carro na outra via nem ele pôde sair da sua faixa, nem sair da pista, pois a rodovia ao invés de acostamento tem uma pequena mureta de proteção que se assemelha a um meio fio e isso impediu que ele saísse da pista e foi atingido em cheio pelo carro e viu a filha morrer em seus braços. O condutor do veículo identificado apenas por “Naldinho” que é sulanqueiro e mora no bairro Salgado, segundo testemunhas estava bebendo, inclusive já havia perdido um dos braços justamente por ter sofrido outro acidente de trânsito, ele foi socorrido pelo Samu e levado as pressas para o HRA, onde respira através de aparelhos.


Os corpos das vítimas foram encaminhados para o IML de Caruaru.