AUTO VIP

AUTO VIP

TEFNET

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

AGRESTE CENTRAL PERNAMBUCO

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

LENO PEÇAS

LENO PEÇAS

CASA DO CAMPÔNES

CASA DO CAMPÔNES

GIVALDO RECON PEÇAS

GIVALDO RECON PEÇAS

quarta-feira, 29 de novembro de 2017

POLÍCIA CIVIL DEFLAGRA OPERAÇÃO E PRENDE TRÊS POLICIAIS CIVIS LOTADOS EM CARUARU




A Secretaria de Defesa Social, por meio da Polícia Civil de Pernambuco, no âmbito do Pacto Pela Vida, desencadeou na manhã desta quarta-feira (29) a 47ª operação de repressão qualificada de 2017, denominada "OPERAÇÃO BIS IN IDEM", fruto de investigação policial promovida pelo GOE - Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil, vinculado à Diretoria Integrada Especializada, sob a presidência dos Delegados Guilherme Caraciolo e Ramon Teixeira. A investigação contou com assessoria da DINTEL - Diretoria de Inteligência da Polícia Civil, do Núcleo de Inteligência do GOE e do CIIDS - Centro Integrado de Inteligência e Defesa Social.

A "OPERAÇÃO BIS IN IDEM" teve por objetivo desarticular uma organização criminosa, com a participação de policiais, nos crimes de corrupção passiva, concussão, lavagem de dinheiro, organização criminosa, receptação qualificada e usurpação de função pública. A principal atuação criminosa dos investigados consistiu na reiterada solicitação ou exigência de valores indevidos para recuperar ou liberar veículos e mercadorias roubadas, fazendo com que as vítimas fossem duplamente lesadas.

Foram cumpridos 4 (quatro) mandados de prisão temporária, sendo  três deles em desfavor de  Policiais Civis e de um terceiro (não Policial). Além disso, foram cumpridos, na mesma ocasião, 11 (onze) mandados de busca domiciliar, o sequestro de vários bens dos investigados, todos decretados pelo Juiz de Direito da Primeira Vara Criminal da Comarca de Caruaru. Foi solicitada e decretada a condução coercitiva de um Policial Militar à sede do Grupo de Operações Especiais - GOE, por suspeita de integrar a referida Organização Criminosa.


Os detalhes parciais da Operação foram apresentados pelo Chefe de Polícia Civil Dr. Joselito Kerle do Amaral nesta manhã na sede do GOE, o qual informou que os três policiais civis são lotados na regional de Caruaru, que um foi preso no plantão de Caruaru, outro em Gravatá e o terceiro em Garanhuns, que foram levados ao Recife, onde foram ouvidos e de lá foram encaminhados ao sistema prisional. Ele ainda afirmou que foi encontrado um galpão em Caruaru, onde havia vários veículos guardados e agora a investigação tenta descobrir se existem outros envolvidos no grupo. O resultado da operação com os nomes dos envolvidos serão apresentados amanhã.

A execução dos trabalhos operacionais contou com a participação de 60 (sessenta) Policiais Civis, entre Delegados, Agentes e Escrivães.