TEFNET

TEFNET

ERGO 30

ERGO 30

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

VIP

VIP

CENTRAL BURGUER

CENTRAL BURGUER

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

NORDESTE RASTREAMENTO 24H

NORDESTE RASTREAMENTO 24H

sexta-feira, 11 de março de 2016

DOIS BANDIDOS SAÍRAM DO RECIFE, VIERAM ASSALTAR EM CARUARU E FORAM PRESOS PELA POLÍCIA CIVIL.

Alysson.
Valderisso.


Na manhã desta quinta-feira (10), os investigadores da 1ª DP, Comissário Marcelo Morato e o agente Adilson Vieira da Polícia Civil, foram informados que no cruzamento das ruas Felipe Camarão com a Floriano Peixoto, no centro da cidade, um cidadão estava sendo espancado por dois elementos e que um desses meliantes estava armado, rapidamente os policiais foram ao local, onde visualizaram o espancamento e deram voz de prisão aos agressores, mas um deles sacou uma arma e só não atirou nos policiais porque um dos investigadores efetuou dois disparos afim de imobilizar os suspeitos, mas o bandido mesmo ferido no braço saiu correndo e conseguiu fugir, no local foi preso, Valderisso Paulo da Silva, de 24 anos.
O Comissário Marcelo Morato, disse que os bandidos devem ter cometido outros assaltos.
Minutos depois após solicitar o apoio do agente Fábio Arantes e o agente penitenciário Lincoln, os quatro policiais prenderam por trás da agencia do INSS, Alysson Costa da Silva, de 19 anos, que estava armado com um revólver calibre 38 com 3 munições intactas, próximo ao cruzamento onde houve a agressão, foi encontrado um carro Polo preto, placa NYU-5759 do Recife e dentro do veículo havia uma espingarda calibre 12 com 2 cartuchos intactos. Os marginais disseram que roubaram esse carro ontem no bairro Candeias, em Recife e que vieram a Caruaru desde ontem, onde iriam roubar outro carro, dormiram em uma pensão e disseram que abordaram o cidadão para tomar o seu veículo, mas houve resistência e resolveram espancar a vítima. Valderisso disse que já foi preso por assalto no Recife.


Os dois criminosos foram levados à 1ª DP, onde foram autuados em flagrante pela delegada Dra. Sara Gouveia, pelos crimes de receptação, tentativa de assalto e porte ilegal de arma e após os procedimentos foram recolhidos à Penitenciária Juiz Plácido de Souza.