AUTO VIP

AUTO VIP

TEFNET

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

AGRESTE CENTRAL PERNAMBUCO

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

LENO PEÇAS

LENO PEÇAS

CASA DO CAMPÔNES

CASA DO CAMPÔNES

GIVALDO RECON PEÇAS

GIVALDO RECON PEÇAS

terça-feira, 29 de maio de 2018

20ª DELEGACIA DE HOMICÍDIOS DE CARUARU, PRENDEU O SEGUNDO BANDIDO QUE PARTICIPOU DO LATROCÍNIO DO SARGENTO JUSTINO, MORTO ENQUANTO TRABALHAVA COMO SEGURANÇA EM UM SUPERMERCADO



Investigadores da 20ª Delegacia de Homicídios de Caruaru, deram cumprimento nesta terça-feira (29) a um Mandado de Prisão Preventiva, expedido pelo juízo da Vara do Júri da capital do Agreste, em desfavor de, Welison José de Oliveira, de 21 anos, que foi preso na casa da tia no Sítio Papagaio, na zona rural de São Caetano.

De acordo com o delegado Dr. Márcio George, o preventivado participou do latrocínio do policial, Claudionor Justino de Souza, o Sargento Justino, de 61 anos, que foi morto dentro de um supermercado, onde estava trabalhando como segurança. O Sargento Justino também trabalhava na Guarda Patrimonial da Polícia Militar e como policial militar reformado atuava na recepção na sede do Ministério Público de Pernambuco local.

O outro marginal que cometeu esse latrocínio, Diogo Wendson Rodrigues de Lira, de 21 anos, foi preso pela Polícia Militar na segunda-feira da semana passada, na cidade de Gameleira, na Zona da Mata sul, ele estava traficando drogas e confessou participação no latrocínio, inclusive foi ele quem efetuou os disparos que mataram o Sargento Justino e confessou friamente. 

O delegado afirmou que não há dúvidas que foram eles os autores do latrocínio. O Welison já foi recolhido á Penitenciária Juiz Plácido de Souza em Caruaru e o Diogo está preso no presídio de Palmares e em breve será recambiado ao presídio de Caruaru.