POUSADA DA PAIXÃO

POUSADA DA PAIXÃO

COMERCIAL JR

COMERCIAL JR

VIP

VIP

RC TECIDOS

RC TECIDOS

MANDACARU PERSONALIZAÇÃO

MANDACARU PERSONALIZAÇÃO

NORDESTE MOTOS

NORDESTE MOTOS

terça-feira, 30 de agosto de 2016

HOMICIDA ACUSADO DA MORTE DE MANEZINHO, DO IRMÃO NILDO BOCADA E DO SUB-TENENTE BARROS FOI PRESO NA IMINÊNCIA DE COMETER NOVOS DELITOS EM BEZERROS.







Foi preso na tarde desta segunda-feira (29), no bairro Santo Amaro em Bezerros, Israel Esnande da Silva Santos, vulgo “Branco” ou "Branco do Sítio Cipó" de 29 anos, que é natural do Sítio Cipó em Caruaru, mas estava morando no distrito de Alto Bonito, em Bonito, para se esconder da polícia. Ele é acusado de assassinar os irmãos Nildo Bocada e Manezinho e de arquitetar o assalto a casa do Sub-Tenente Barros, que reagiu e foi morto e na ocasião um comparsa do “Branco” morreu na troca de tiros com o policial.

O Sub-Tenente Barros, foi morto dentro de casa.

"Nildo Bocada" foi morto no dia 11 de dezembro, no Jardim Liberdade.



O "Sargento Manezinho" foi morto ao lado da Fafica.

A viatura  da Patrulha do Bairro composta pelo Cabo L. Santos e os soldados Andreson, e Joseildo, se encontrava em rondas, quando visualizou um veiculo Golf com três ocupantes em atitude suspeita, ao visualizarem a guarnição os meliantes empreenderam fuga, deixando para trás o “Branco” que tentou se evadir, porém foi detido pelo efetivo. Foi encontrado com ele um coldre de arma, mas se negou possuir arma de fogo. Por se tratar de um individuo de alta periculosidade o efetivo solicitou a presença do NIA e Caça Homicida, que seguiram até a casa do imputado em Alto Bonito, onde localizaram a arma de fogo, uma pistola calibre 765 e no momento da abordagem o mesmo apresentou vários documentos falsos, como RG e Habilitação.

De acordo com a PM, "Branco" é considerado um dos indivíduos de maior periculosidade no Agreste do Estado e o mesmo além de vim cometendo uma série de crimes, como homicídios e assaltos, é remanescente de uma quadrilha formada por aproximadamente 8 elementos com idade média de 17 a 19 anos, com forte atuação em Caruaru e na região, inclusive em BRs, bastante atuante em 2004, roubando pessoas, mercadorias e veículos, conhecida como "Gangue do Cipó" ou "Gangue do Sítio Cipó", que foi desarticulada pela inteligência do 4º BPM, antiga P2.

O veículo Golf de cor branca de placa OIC-5418 foi abandonado em Caruaru pelos outros elementos, ao ser consultado no sistema foi constatado que se trata de um veículo clonado, através de consulta pelo chassi foi confirmado que a placa verdadeira do veículo é PGT-2119. Os três marginais se preparavam para tomar um caminhão de assalto e o “Branco” é acusado de ter cometido vários assaltos.


O imputado foi autuado em flagrante pelo crime de falsidade ideológica e posse ilegal de arma de fogo, em seguida foi recolhido à Cadeia Pública de Bezerros.