POUSADA DA PAIXÃO

POUSADA DA PAIXÃO

COMERCIAL JR

COMERCIAL JR

VIP

VIP

RC TECIDOS

RC TECIDOS

MANDACARU PERSONALIZAÇÃO

MANDACARU PERSONALIZAÇÃO

NORDESTE MOTOS

NORDESTE MOTOS

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

COLISÃO DE TRÂNSITO DEIXA DOIS MORTOS E DOIS FERIDOS NA BR 104 EM CARUARU.


Emerson.

Bruno.






 

 
O Emerson era policial civil de Alagoas.
 
Os militares do Corpo de Bombeiros tiveram muito trabalho, nessa foto o Cabo Cavalcante e o soldado Matheus, limpam a pista para evitar acidentes.
Capitão Henrique, Sargento Ted Kennedy, Cabo Henrique e Sargento Espíndola.
 Duas pessoas morreram e duas ficaram feridas numa colisão de trânsito envolvendo um caminhão e uma picape S 10, que aconteceu por volta das 3:30h da tarde desta quinta-feira (24) na BR 104, próximo a entrada do sítio Terra Vermelha, na zona rural de Caruaru, a poucos metros da divisa com Agrestina.

As vítimas mortas e lesionadas estavam na picape, os mortos são, o policial Civil de Alagoas, Emerson Lupertino Cardoso, de 52 anos e Bruno Luiz da Silva, de 29 anos, já Josias Emanuel Guilherme da Silva, de 35 anos e Gilson Pontes de Albuquerque, de 49 anos, sofreram ferimentos leves e foram socorridos pelo Samu e levados ao Hospital Regional do Agreste em Caruaru.

O caminhão pertence a uma empresa que fabrica charque do Rio de Janeiro, o motorista Severino Barbosa, falou que tinha acabado de fazer uma entrega na cidade de Cupira e que estava vindo a Caruaru, de repente a picape invadiu a sua mão e colidiu do seu lado, eles e o seu ajudante tiveram apenas ferimentos leves, no entanto viu a picape cair na ribanceira. Ele iria pernoitar em Caruaru e amanhã faria outras entregas no Sertão de Estado, o mesmo informou que tem 61 anos de idade, tem anos de profissão e essa foi a primeira vez que se envolveu num acidente e lamenta profundamente pelas pessoas que perderam as suas vidas.

O Capitão Henrique do Corpo de Bombeiros, falou que o policial civil era quem guiava a picape, o mesmo foi arremessado para fora do carro e o Bruno Luiz ficou preso as ferragens e devido ao fato do carro ter caído da ribanceira a sua equipe teve muito trabalho para retirá-lo das ferragens e precisou de cabos para levar as ferramentas para o local e depois retirar os corpos. Ao todo 08 Bombeiros Militares participaram da ocorrência e duas viaturas do Samu.

O Inspetor Neves da Polícia Rodoviária Federal, disse que segundo relatos de testemunhas o motorista da picape foi quem provocou o acidente, ele foi olhar o celular e pegou a faixa contrária colidindo de frente no caminhão. O Inspetor garantiu que os quatro ocupantes da picape estavam usando o cinto de segurança e dois dos ocupantes morreram devido a violência do impacto.

Os corpos das vítimas foram encaminhados para o IML local.