POUSADA DA PAIXÃO

POUSADA DA PAIXÃO

COMERCIAL JR

COMERCIAL JR

VIP

VIP

RC TECIDOS

RC TECIDOS

MANDACARU PERSONALIZAÇÃO

MANDACARU PERSONALIZAÇÃO

NORDESTE MOTOS

NORDESTE MOTOS

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

IML E SVO DE CARUARU VOLTAM A FUNCIONAR NORMALMENTE E POLÍCIA CINTÍFICA ANUNCIA QUE A ENTREGA DO COMPLEXO CIENTÍFICO OCORRERÁ NO PRÓXIMO ANO.



Após ter sido atingido na semana passada por um redemoinho o prédio do Serviço de Verificação de Óbito – SVO e do Instituto de Medicina Legal – IML de Caruaru, teve o seu telhado danificado e a Defesa Civil do município fez uma vistoria no local e interditou o prédio. Os corpos que deveriam ser examinados em Caruaru tiveram que ser encaminhados para o IML/SVO do Recife e os exames traumatológicos e sexológicos foram transferidos para o Setor de Traumatologia do Hospital Regional do Agreste. Diante dos transtornos causando aos usuários a direção dos SVO acionou a Secretaria de Saúde do Estado, pois como já havia uma reforma programada e a construtora foi chamada e fez alguns reparos urgentes.

Na manhã desta quarta-feira (30) foi realizada uma coletiva de imprensa na sede da Delegacia Regional de Caruaru, para anunciar que a Defesa Civil liberou o funcionamento do prédio e participaram dessa coletiva o Coordenador Médico do SVO, Dr. Túlio Araújo; o Diretor Adjunto da Polícia Científica do Estado, Dr. João César Ferreira; a Diretora do SVO local, Dra. Paula Jácomo e o Diretor do IML de Caruaru, Dr. Marcos Gomes, que informaram que desde ontem todos os exames estão sendo realizados que a reforma foi iniciada, tem uma previsão de três meses e custará aos cofres do Estado a importância de R$ 226 mil.

O Diretor do SVO, Dr. Túlio Araújo, disse que enquanto persistir a obra dois containers devidamente climatizados serão utilizados como cartório e para a realização de exames traumatológicos e sexológicos e eles já foram devidamente instalados, porém pelo menos durante a reforma o SVO de Caruaru terá que se adequar com o horário do SVO do Recife e receberá corpos só entre as 7 horas da manhã e as 5 horas da tarde e que as equipes que trabalham a noite estarão trabalhando durante o dia, para dar suporte aos trabalhos e que a redução no horário é para que a empreiteira possa trabalhar a noite sem interrupções. Em relação aos exames serem realizados aos sábados e domingos ele lamentou que por enquanto o órgão não terá como contratar médicos para esses dias e os corpos continuarão sendo encaminhados ao SVO do Recife

O Diretor do IML, Dr. Marcos Gomes, falou que todos os serviços do órgão estão sendo mantidos e que a direção está tomando todas as providências para que tudo transcorra dentro da normalidade e que a diferença do SVO com o IML é que o SVO pericia vítimas de morte natural que não tem um acompanhamento médico e o exame é necessário para determinar a causa da morte, enquanto que o IML pericia vítimas de mortes violentas como homicídios, suicídios, afogamentos e acidentes.


O Diretor Adjunto da Polícia Científica, Dr. João César Ferreira, aproveitou para dar uma boa notícia, ele informou que a construção do prédio onde funcionará o Complexo da Polícia Científica, sediado na Avenida Brasil, no bairro Universitário, será retomada em breve e que deverá ficar pronto em aproximadamente seis meses e esse prazo coincide com a contração de agentes e papiloscopistas da Polícia Civil que já está realizando um concurso. Falou ainda que no local funcionará IML, SVO, IC e ITB e terá condição de realizar exames em corpos em decomposição ou carbonizados que hoje só tem condição de serem periciados no Recife e em relação a paralisação das obras do futuro Complexo da Polícia Científica, ele afirmou que foi por problemas com a construtora.