AUTO VIP

AUTO VIP

TEFNET

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

AGRESTE CENTRAL PERNAMBUCO

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

LENO PEÇAS

LENO PEÇAS

CASA DO CAMPÔNES

CASA DO CAMPÔNES

segunda-feira, 30 de abril de 2018

COLUNA HORA DA CIDADANIA COM O DELEGADO ERICK LESSA



CARUARU REGISTROU MAIS HOMICÍDIOS EM 2017, DO QUE A CAPITAL MAIS VIOLENTA DO BRASIL!

Em matéria da TV aberta veiculada no dia de ontem, houve a cobertura dos homicídios pelo Brasil, e um dos temas muito chamou atenção dos telespectadores, que foi a violência em Natal-RN, se comparado com a nossa capital do Agreste, no ano de 2017.

O programa semanário Fantástico fez uma série de reportagens trazendo a questão da violência e suas nuances, e a investigação jornalística demonstrou alguns assuntos, que semanalmente tratamos aqui na coluna ‘Hora da Cidadania’.

A capital potiguar, desponta com 70 homicídios por grupo de 100 mil habitantes, e trouxe dados alarmantes, como o pequeno efetivo de peritos criminais, chegando a afirmar que todo o estado do Rio Grande do Norte, conta apenas com 24 peritos, obrigando os citados profissionais a concluir seus laudos criminalísticos, para serem concluídos em casa.

Em comparação com Caruaru, que registrou no ano passado quase 75 homicídios, por grupo de 100 mil habitantes, com um total de 262 registros de CVLI (crimes violentos letais intencionais – homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte), e uma população de pouco mais de 250 mil habitantes, chegamos a clara e matemática conclusão que, nossa cidade, é mais violenta do que a capital potiguar, que segundo a reportagem, é a capital mais violenta do Brasil.

Também na série de reportagens, que contou com 3 episódios, nos últimos três domingos, foi destaque a cidade catarinense de Jaraguá do Sul, como a cidade mais pacata do Brasil, que conta com excelentes serviços de saúde, educação, desde a creche até o nível superior, infraestrutura, saneamento básico, iluminação pública, além de uma forte inserção da sociedade civil organizada nas decisões do executivo municipal.

Infelizmente Caruaru não conseguiu avançar nos últimos anos, em serviços públicos mais básicos, tendo a triste realidade de uma das cidades mais violentas do Brasil, inclusive com índices de violência mais graves do que Natal – a capital mais violenta do Brasil.

Fica a reflexão. Fique atento à próxima edição da Hora da Cidadania, que é divulgada todas as segundas-feiras. Você pode dar sugestão de temas, fazer críticas e elogios através do e-mail: ericklessa04@gmail.com.
TABOSA