AUTO VIP

AUTO VIP

TEFNET

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

AGRESTE CENTRAL PERNAMBUCO

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

LENO PEÇAS

LENO PEÇAS

CASA DO CAMPÔNES

CASA DO CAMPÔNES

quinta-feira, 3 de maio de 2018

DISQUE-DENÚNCIA AGRESTE LANÇA CAMPANHA PARA LOCALIZAR ASSASSINO E OFERECE UMA RECOMPENSA DE 4 MIL REAIS




O Disque-Denúncia Agreste lançou na manhã desta quarta-feira (02), uma campanha para localizar um homem acusado de cometer um homicídio no dia 15 de janeiro desse ano, na cidade de Barra de Guabiraba. O lançamento da campanha ocorreu na sede da Dinter-01 em Caruaru e contou com as presenças da Coordenadora do Disque-Denuncia Agreste, Dra. Janeilda Rodrigues; a coordenadora do Disque-Denúncia de Pernambuco, Dra. Carmela Galindo; a delegada seccional Dra Polyanne Farias, o presidente do inquérito Dr. Bruno Bezerra e a delegada de Barra Dra. Juliana Garcia.

O Dr. Bruno Bezerra, que a época estava comandando a delegacia de Barra de Guabiraba, disse que o imputado, Fábio Henrique da Silva, conhecido por “Fabinho” tem 25 anos, é natural de Barra de Guabiraba, mas está foragido. Na ocasião ele guiava um caminhão e teve uma discussão com a vítima, o comerciante, José Cláudio Bezerra da Silva, conhecido como “Galego do Queijo” de 50 anos, que vendia laticínios, morava em Sairé e foi a Barra fazer a entrega de mercadorias guiando uma picape S-10, onde casualmente cruzou com o algoz numa via, mas a via era apertada e um teria que ceder para o outro passar, tiveram uma discussão e o “Fabinho” sacou um revólver e efetuou um disparo atingindo a vítima no rosto, que foi levada ao Hospital da Restauração no Recife, onde veio a falecer.

A Dra. Janeilda Garcia, informou que o Disque-Denúncia Agreste (81) 3719-4545, está oferecendo uma recompensa de até R$ 4 mil e que além do telefone as denuncias poderão ser feitas também pelo site do serviço e que a recompensa só será paga com a comprovação de que o denunciante usou um dos canais do Disque-Denúncia e em qualquer um dos casos é garantido o anonimato.