TEFNET

TEFNET

ERGO 30

ERGO 30

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

VIP

VIP

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

DONA MACAXEIRA

DONA MACAXEIRA

AGRESTE CENTRAL PERNAMBUCO

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

POLÍCIA APRESENTA RESULTADO DA DESARTICULAÇÃO DE QUADRILHA DE ASSALTANTES DE CARRO FORTE PRESA EM SALGUEIRO E QUE QUATRO MARGINAIS FORAM MORTOS


 



No âmbito da Força Tarefa Bancos, que combate as organizações criminosas responsáveis pelas investidas à instituições financeiras e carros fortes, foi desencadeada operação nesta quarta-feira (18 OUT 2017), resultante da cooperação de levantamentos e troca de informações entre Seção de Informação do BEPI, 2ª EMG através dos Núcleos de Inteligência do Sertão do 8º BPM e BEPI, além da Polícia Federal, durante cerca de quarenta dias.

Dos acompanhamentos foram identificados elementos envolvidos em várias investidas contra carros fortes e agências bancárias no interior do Estado e outras unidades federativas, e planejavam um roubo a um carro forte, possivelmente na região de Salgueiro. Os elementos foram localizados nas proximidades do Sítio Quixaba I, Zona Rural de Salgueiro, quando estavam em deslocamento em uma caminhonete S-10 branca, placa PFV-1218, roubada em Caruaru e num FOX prata, placa PDR-3959 com suspeita de clonagem, tendo as equipes policiais tentado parar os elementos através de operação de bloqueio, os mesmos não atenderam a determinação de parada, tentando evadir, efetuando disparos de armas de fogo contra os policiais. 


Ao revidar a injusta agressão dois dos elementos foram atingidos, vindo a falecer ainda dentro de um dos carros, sendo um identificado como João Rodrigues Camelo, vulgo "João Cambão", ex-presidiário, sendo natural de Boa Vista-CE, com possibilidade de estar foragido do sistema penitenciário, informação ainda confirmada; e o outro não identificado até o presente, com informes de ser oriundo do Piauí.

Com João Cambão, que estava vestido com um colete a prova de balas, foi encontrada uma pistola calibre ponto 40 com numeração raspada, três carregadores e 23 munições. Na S-10 foi encontrado também um fuzil calibre 7,62, um balde com grampos e os explosivos. Os demais elementos, abandonaram os veículos e fugiram se embrenhando na caatinga. 

Do acompanhamento do rastro dos elementos, resultou num segundo confronto, vindo o meliante identificado como Ricardo Ramos Ferreira, vulgo "Mago Cearense", que estava de posse de um fuzil calibre 7,62 mm, que não resistiu aos ferimentos. Contra o mesmo pesa acusações de assaltos à bancos e homicídios, inclusive com a possibilidade de ter vitimado um policial no Ceará.


No início da tarde desta quinta-feira (19), equipes do BEPI, do Núcleo de Inteligência-3/8° BPM e Agentes da Polícia Federal de Salgueiro, que continuavam as buscas com o objetivo de capturar os outros elementos da quadrilha de assaltantes de bancos e carros fortes alvo de operação desencadeada ontem na Zona Rural de Salgueiro, que culminou com a prisão de dois integrantes e mais três mortos em confronto policial, se deslocaram  até às proximidades da entrada de do Distrito de Umãs ao lado da BR-232, pois haviam recebido informes da possível localização de mais um dos integrantes da organização criminosa que se encontrava foragido.  Das diligências resultou na localização de uma casa aonde se encontrava o elemento identificado como Francisco Deocleciano Bezerra dos Santos, vulgo "Nego do Recurso", que estava de posse de um fuzil calibre 7.62, tipo "Mosquetão" adaptado com carregador, que reagiu a prisão, saindo da casa atirando contra o efetivo policial, sendo  ferido após troca de tiros e não resistiu aos ferimentos. Verificou-se que o criminoso era fugitivo da cadeia pública de Tauá-CE e participou de diversas investidas contra carros fortes e agências bancárias em diversos Estados do Nordeste. 


No desdobramento da operação, já no centro de Salgueiro, foram encontrados mais dois integrantes do grupo, sendo presos pelo efetivo do GATI do 8º BPM com apoio do Agentes de Inteligência do NIS-3/8ºBPM, identificados como José Tiago Rocha da Silva, Cabo da Polícia Militar do Ceará, com quem foi encontrado de posse de uma pistola modelo 840 com três carregadores e 45 munições; e Ernandes Matias Barros, vulgo "Nandinho", ambos seriam os líderes da quadrilha, e com a participação em diversas investidas contra bancos e carros fortes. 

Do grupo criminoso ainda foram identificados os elementos Cleyton Rocha dos Santos, responsável pelo roubo da S-10; "Manezinho" ou "Ni" e Cícero Márcio da Silva, vulgo "Nego Tita", que conseguiram evadir.