AUTO VIP

AUTO VIP

TEFNET

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

AGRESTE CENTRAL PERNAMBUCO

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

LENO PEÇAS

LENO PEÇAS

CASA DO CAMPÔNES

CASA DO CAMPÔNES

GIVALDO RECON PEÇAS

GIVALDO RECON PEÇAS

sábado, 10 de fevereiro de 2018

APÓS TER TIDO UMA FORTE DISCUSSÃO, MULHER FOI ENCONTRADA MORTA DENTRO DE CASA NO BAIRRO SÃO JOÃO DA ESCÓCIA






A Polícia Militar foi acionada para ir até a Rua Edvaldo Florêncio, por trás do Colégio Josélia Florêncio, no bairro São João da Escócia, pois a informação que chegou a PM foi de um caso de feminicídio, que uma mulher teria sido assassinada pelo ex-companheiro, após os dois terem tido uma forte discussão.

O policiamento acionou o Samu e foi ao local, lá chegando, os socorrisitas do Samu constataram que a vítima, Adenilza Maria de Moura, de 49 anos, estava morta no sofá e estava despida, mas verificaram que não havia nenhum sinal aparente de violência e o perito do IC constatou também essa ausência de evidências, o ex-marido dela, Marcos Aurélio da Silva, se evadiu antes da chegada da PM.

O delegado da DEAH (Divisão Especial de Apuração de Homicídios), Dr. Sérgio Moura, acompanhou a perícia e disse que por enquanto não como determinar se a vítima foi assassinada ou se teve um mal súbito, inclusive não descartou a hipótese de ter sido morta por esganadura ou até mesmo pelo auxílio de algum produto químico. Em relação ao fato da vítima está despida o delegado disse que ela pode ter tido uma reconciliação com o ex-afair e que não havia sinais de violência sexual.

O corpo foi encaminhado para o IML local.