Prefeitura de Caruaru

Prefeitura de Caruaru

ANUNCIE SUA MARCA AQUI! ENTRE EM CONTATO!

ANUNCIE SUA MARCA AQUI! ENTRE EM CONTATO!

quinta-feira, 14 de dezembro de 2023

FORAGIDO EMPRESÁRIO SUSPEITO DE TENTATIVA DE FEMINICÍDIO É PRESO EM GRAVATÁ

 

A Polícia Civil de Pernambuco, em nota, informou que a prisão preventiva de Bruno foi efetuada em um condomínio de luxo em Gravatá.

Bruno de Andrade Lima Albuquerque, empresário e primo em segundo grau do prefeito do Recife, João Campos (PSB), foi preso em Gravatá, nesta quinta-feira (14), sob a acusação de tentativa de feminicídio. O investigado foi encontrado em condomínio de luxo.

O inquérito, conduzido pela Polícia Civil, detalha o caso registrado no feriado de 15 de novembro. O crime, descrito como feminicídio, ocorreu em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, envolvendo três vítimas: a namorada do suspeito Karollyne Kerlys Barbosa Soares de Brito, seu pai Fábio Rogério Tenório de Brito e sua mãe Charlane Kerlys Soares de Brito.

As vítimas chegaram ser hospitalizadas, devido aos ferimentos. Durante a busca e apreensão na residência de Bruno, a Polícia Civil encontrou 64 munições CBC, calibre 12, e 4 estojos deflagrados do mesmo calibre.

Após serem acionados para uma tentativa de homicídio, os policiais encontraram manchas de sangue no prédio e apartamento, constatando que um homem havia invadido o local, ferindo as vítimas com uma faca. As vítimas seguiram para a UPA de Barra de Jangada, onde Fábio, um dos feridos, informou que Bruno, insatisfeito com o término do relacionamento, tentou matar sua filha.

A Polícia Civil de Pernambuco, em nota, informou que a prisão preventiva de Bruno foi efetuada em um condomínio de luxo em Gravatá. As investigações, sob a coordenação da Delegada Ana Carolina Guerra, apontam que o acusado não aceitava o término do relacionamento. Ele também responde a outros processos penais relacionados à violência doméstica em Recife e Jaboatão dos Guararapes.