POUSADA DA PAIXÃO

POUSADA DA PAIXÃO

COMERCIAL JR

COMERCIAL JR

VIP

VIP

RC TECIDOS

RC TECIDOS

MANDACARU PERSONALIZAÇÃO

MANDACARU PERSONALIZAÇÃO

NORDESTE MOTOS

NORDESTE MOTOS

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

FIRMES NA LUTA: SINPOL INICIA JORNADA DE VISITAS ÀS DELEGACIAS DE PERNAMBUCO




A Operação Policia Cidadã, encampada pelos Policiais Civis de Pernambuco, retomou suas atividades com visitas às delegacias do agreste e sertão do Estado. Entre os últimos dias 23 e 25, os diretores do Sinpol (Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco) seguiram por diversas cidades com a proposta de dar sequência a construção do dossiê que mostra a triste realidade das condições de trabalho da categoria e esclarecer pontos relevantes das conquistas vindas através da luta iniciada em 2015.

O presidente do Sinpol, Áureo Cisneiros, deu alguns esclarecimentos sobre as ações do sindicato que estão voltando com toda força. “Começamos a discussão com a categoria aqui na cidade de Belo Jardim para debater as ações do movimento do sindicato, a questão do Plano de Cargo e Carreira que está sendo elaborado entre sindicato e governo, a Lei Orgânica e saber, principalmente, o que os policiais civis têm a nos dizer sobre as ações que estão sendo realizadas. Precisamos nos unir ainda mais para conquistarmos a tão almejada valorização e melhores condições de trabalho para poder atender melhor a população de Pernambuco”, disse Áureo.

Após a visita a Belo Jardim, o Sinpol seguiu para a 19ª Seccional de Policia Civil, na cidade de Arcoverde, onde mais uma vez se reuniu com a categoria. O tesoureiro do sindicato, Tiago Batista, reforçou as dificuldades que o Sinpol vem atravessando e ressaltou a importância da união dos policiais civis. “Como divulgamos em nosso jornal, o Sinpol está com mais de R$ 2 milhões em dívidas, segundo auditoria realizada em 2015. Estamos nos organizando para lutar ainda mais. Só assim iremos ter nossos direitos respeitados pelo governo”, afirmou Tiago.

Na quarta-feira (24) as cidades visitadas foram Serra Talhada e Afogados da Ingazeira. A agente da Polícia Civil, Adriana Vieira, agradeceu a presença do Sinpol no local. “Quero agradecer a presença do Sinpol em Serra Talhada e respaldar suas ações em relação à luta salarial e estrutural. Nós não precisamos apenas de salário, precisamos de valorização pessoal e profissional. Precisamos lutar para que possamos chegar a polícia civil ideal, plena de ações e dar um atendimento de qualidade para nossa sociedade”, comentou Adriana.
Em Afogados da Ingazeira o encontro foi marcado por diversas reivindicações da categoria, mostrando a insatisfação dos policiais com a falta de respeito do governo do Estado com os que acreditam em uma segurança pública de qualidade para os pernambucanos.

No último dia da visita ao sertão, os diretores do Sinpol visitaram a cidade de Salgueiro e relataram a importância do trabalho que está sendo feito para construção de um PCCV digno para os policiais civis.

Rafael Cavalcanti, vice-presidente do Sinpol, comentou sobre como está sendo pensando e construído a elaboração do Plano de Cargo, Carreira e Vencimento. “Estamos trabalhando todos os dias para que a estrutura deste nosso PCCV atenda as nossas necessidades. Vamos, o mais cedo possível, realizar seminários e grupos de discussão para que toda categoria possa dar sua contribuição neste processo que é de suma importância”, comentou o vice-presidente. 

A escrivã Edneide Pereira deixou claro que a polícia civil de Pernambuco ainda precisa de muita atenção e que muito precisa ser feito para atender melhor a sociedade. “Eu não era sindicalizada, mas por ver o empenho de todos eu voltei a acreditar no sindicato. A gente tem que mudar muita coisa ainda, a estrutura dos locais de trabalho principalmente. Falta muita coisa para atender bem as pessoas, que é isso que a gente quer, não é só salário. A gente quer atender bem, mas tem que ter uma estrutura que dê suporte a essa realidade que hoje não temos”, afirmou Edneide.

Por Brunno Porto – Assessoria Sinpol/PE