Prefeitura de Caruaru

Prefeitura de Caruaru

ANUNCIE SUA MARCA AQUI! ENTRE EM CONTATO!

ANUNCIE SUA MARCA AQUI! ENTRE EM CONTATO!

terça-feira, 9 de janeiro de 2024

DELEGACIA DA MULHER E DRACO DEFLAGRARAM OPERAÇÃO EM CARUARU QUE APREENDEU SEIS ARMAS DE FOGO, 1.100 MUNIÇÕES E NA PRISÃO DE DOIS ACUSADOS

 



Nestas segunda-feira e terça-feira, dias 08 e 09 de janeiro de 2024, policiais civis da 4ª DEAM – Delegacia Especializada de Atendimento á Mulher, em conjunto com policiais civis da 3ª Deccor/Dracco, sob a coordenação do Delegado Jeová Miguel, desencadearam a primeira Operação do ano no Combate a Violência contra Mulher em Caruaru, denominada OPERAÇÃO DANDARA, em alusão à mulher ícone no combate à escravidão no país, no Quilombo de Palmares. O nome justifica-se pela condição semelhante a de escravidão daquelas mulheres que vivem sem paz e sem liberdade sob o jugo da violência, sobretudo com utilização de arma de fogo.

A operação, com foco na apreensão de armas de fogo, resultou no cumprimento de dois mandados de busca e apreensão de arma de fogo, duas prisões em flagrante delito, um afastamento do lar e apreensão de duas espingardas calibre 12; um revólver calibre 38; um revólver calibre 357; duas pistolas calibre 9 milímetros;  688 munições calibre 9 milímetros;  333 munições calibre 12;  18 carregadores de pistola 9 milímetros; dois carregadores de pistola PT 100 calibre ponto 40; além de estojos diversos, coldres e cartucheiras.

Os autuados pelos crimes de Porte Ilegal de Arma de Fogo de Uso Restrito e Posse Ilegal de Arma de Fogo foram um homem empresário de 34 anos que também é investigado na Delegacia da Mulher pelos crimes de Lesão Corporal, Ameaça, Injúria e Violência Psicológica por Violência Doméstica e Familiar, crimes que eram praticados na presença de suas duas filhas menores de 3 anos e 1 ano de idade, está última especial portadora de síndrome rara; e homem de 35 anos de idade vigilante de segurança privada. Os autuados tiveram sua prisão em flagrante convertidas em preventiva e foram recolhidos à Penitenciária Juiz Plácido de Sousa em Caruaru. Por fim, um dos mandados de busca foi cumprido na residência de um policial penal investigado por crimes de violência contra mulher, que também teve suas armas e munições apreendias, em cumprimento a ordem judicial do Juízo da Vara de Violência Doméstica e Familiar contra Mulher.


A Chefe Setorial da Delegacia da Mulher, a Comissária Amanda Lira Santiago, destacou a eficiência da equipe e que graças ao empenho se destaca como uma das melhores delegacias especializadas do estado.