AUTO VIP

AUTO VIP

TEFNET

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

AGRESTE CENTRAL PERNAMBUCO

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

LENO PEÇAS

LENO PEÇAS

CASA DO CAMPÔNES

CASA DO CAMPÔNES

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

COLUNA HORA DA CIDADANIA COM O DELEGADO ERICK LESSA


OS FACILITADORES DO FUTURO DA NAÇÃO!

Esse mês de outubro é eleito por muitas unidades federativas em homenagem aos seus professores. Na verdade a data comemorativa é o dia 15 de outubro e tem sua origem histórica por um decreto do primeiro Imperador do Brasil Dom Pedro I, que implementou por meio de decreto de 1827 o Ensino Elementar no Brasil, com a criação das escolas de primeiras letras em todos os vilarejos e cidades do país.

Já em 1947 o professor paulista Salomão Becker criou essa data para confraternizar e homenagear os professores e também em razão da necessidade de uma pausa no segundo semestre, até então muito sobrecarregado de aulas. Mais tarde, em 1963, a data foi oficializada pela lei Decreto Federal 52.682, que, em seu Art. 3º, diz que “para comemorar condignamente o dia do professor, os estabelecimentos de ensino farão promover solenidades, em que se enalteça a função do mestre na sociedade moderna, fazendo delas participar os alunos e as famílias”.

Esses são os profissionais que têm a missão de desenvolver a educação e o conhecimento em nossa nação, abrangendo uma gama de trabalhadores que atuam desde o ensino fundamental até o superior universitário.

Nós da coluna Hora da Cidadania homenageamos os educadores da nação, os facilitadores do futuro do país, os nossos professores, e acreditamos que é a profissão mais importante de todas, já que todos os outros trabalhadores precisam dos ensinamentos dos educadores para construir seus conceitos e sedimentar seus conhecimentos, afinal, sem a educação e os nossos mestres, a transmissão de conhecimentos e a correta apreensão destes pelas pessoas seriam praticamente impossíveis.

Concluímos com a lição do Pernambucano Paulo Freire, que foi educador, pedagogo e filósofo brasileiro, considerado um dos pensadores mais notáveis na história da pedagogia mundial, tendo influenciado o movimento chamado pedagogia crítica, que afirmou: “se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda”.


Fica a reflexão. Esteja atento à próxima edição da coluna Hora da Cidadania, que é divulgada todas as segundas-feiras. Você pode dar sugestão de temas, fazer críticas e elogios através do e-mail: ericklessa04@gmail.com.
GRUPO MOTO ARTE