AUTO VIP

AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

LENO PEÇAS

LENO PEÇAS

CASA DO CAMPÔNES

CASA DO CAMPÔNES

CENTRAL DAS CAPAS

sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

“POLÍCIA FEDERAL REALIZA PRISÃO EM FLAGRANTE DE UM SUSPEITO POR TRÁFICO DE DROGAS E APREENDE CERCA DE 21KG DE MACONHA E 3.3KG DE CRACK EM OLINDA/PE”


A Polícia Federal em Pernambuco/PE, prendeu em flagrante na noite do dia 13/11/2017, por volta das 20h RINALDO MIGUEL ARCANJO, brasileiro, casado, 33 anos, desempregado, natural de Recife/PE e residente em Olinda/PE– (não possui antecedentes criminais).

A prisão aconteceu em virtude de investigações realizadas pela Delegacia de Repressão a Entorpecentes-DRE dando conta de que no Bairro Jardim II em Olinda/PE havia um imóvel onde estaria sendo armazenada uma certa quantidade de substância entorpecente. De posse dessas informações foi montada duas equipes de policiais federais que se dirigiram para o local com vistas a localizar, identificar e prender o responsável pelo armazenamento da droga.  Após uma vigilância feita no local a equipe de policiais percebeu a chegada de um suspeito adentrando o imóvel com uma mochila em suas costas e quando ele saiu do imóvel e estava para seguir viagem numa moto vermelha de placas OYW-4648 foi de pronto abordado pelos federais que ao fazer uma busca em sua sacola encontrou várias pedras de crack totalizando um peso bruto de aproximadamente 320g (trezentos e vinte gramas). Ao ser feito uma busca no interior do imóvel com a autorização do suspeito os policiais também encontraram mais 20.7Kg de maconha, 3kg de crack além de duas balanças digitais.

Terminado os trabalhos ostensivos e tendo sido arrecadados tanto a droga, balança de precisão e a moto, o suspeito recebeu voz de prisão em flagrante foi levado para a Sede da Polícia Federal no Cais do Apolo no Bairro do Recife Antigo, onde, após ter sido informado dos seus direitos e garantias constitucionais acabou sendo autuado em flagrante pelo crime contido no artigo 33 da Lei nº 11.343/2006 (tráfico de entorpecentes) e caso seja condenado poderá pegar penas que variam de 5 a 15 anos de reclusão, além de multa! 

Em seu interrogatório o preso informou que estava guardando a droga no imóvel de um amigo e que ele não sabia da existência da droga. Disse também que a droga pertence a um traficante (não deu maiores detalhes) o qual havia lhe pedido para ficar com a droga escondida no imóvel e por esse serviço receberia a importância de R$ 1.500 (mil e quinhentos) reais. Por fim disse que só aceitou esse serviço por estar desempregado e passando por situação financeiras difícil.

Após a autuação, o preso realizou Exame de Corpo de Delito no IML - Instituto de Medicina Legal e em seguida foi encaminhado para a audiência ONDE FOI CONFIRMADA SUA PRISÃO PREVENTIVA e logo após foi conduzido para o COTEL-Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna, onde ficará à disposição da Justiça Estadual/PE.