ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

AGRICENTER

AGRICENTER

VIP

VIP

NORDESTE RASTREAMENTO 24H

NORDESTE RASTREAMENTO 24H

quarta-feira, 3 de maio de 2017

BANDIDOS EXPLODEM AGÊNCIAS BANCÁRIAS NO LITORAL SUL DE PE E DEPOIS FOGEM EM LANCHAS


Ação criminosa ocorreu na madrugada desta quarta-feira (3), em Tamandaré, distante 104 quilômetros do Recife. Cerca de 20 homens participaram da investida, de acordo com a PM.



Bandidos realizaram um assalto, na madrugada desta quarta-feira (3), no Banco do Brasil e no Bradesco de Tamandaré, no Litoral Sul de Pernambuco, distante 104 quilômetros do Recife. De acordo com a Polícia Militar, os ladrões usaram explosivos para abrir caixas eletrônicos das agências, no Centro da cidade. Depois da ação criminosa, o bando foi até a Praia de Carneiros, no mesmo município, e fugiu em lanchas. 



A ação criminosa começou às 3h20. Cerca de 20 homens fortemente armados, segundo o 10º batalhão da PM, chegaram em vários carros. Eles colocaram explosivos no Banco do Brasil e depois no Bradesco. As duas agências ficam no mesmo quarteirão.

Moradores relataram que os ladrões atiraram várias vezes. Foram pelo menos 40 minutos de barulho de disparos e explosões.

Para escapar, os bandidos colocaram grampos de metal na Rodovia PE-73. Assim, dificultaram a aproximação dos policiais. Ainda não foi informada a quantia levada pelos assaltantes.
 
Essas bombas foram deixadas na porta do destacamento do BEPI.


Ao chegar até a Praia dos Carneiros, os ladrões abandonaram os veículos. Um dos carros ficou na água e o outro, em terra. No chão, havia muitas cápsulas deflagradas. Os policiais estiveram no local vistoriando os automóveis.

Crimes

No fim ano passado, o Sindicato dos Bancários divulgou um balanço das ações criminosas praticadas contra instituições financeiras em 2016. O documento revelou que ocorreram, entre janeiro e dezembro, 346 casos de violência em 56 dos 184 municípios pernambucanos. Isso equivale a 30,43% do total de cidades.


O levantamento aponta para 250 arrombamentos e explosões, sendo 176 em locais como mercados e postos de gasolina. O documento revela, ainda, que o Agreste foi a área mais atingida pelas ações. Ao todo, 29 cidades que registraram ações violentas ficam na região. Isso significa 51% do universo afetado.

Fonte G1