TEFNET

TEFNET

ERGO 30

ERGO 30

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

VIP

VIP

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

A HORA DA CIDADANIA


ACIDENTE OU EXECUÇÃO? – PARTE II
Na segunda-feira da semana passada (23JAN2017) escrevemos sobre o tema e solicitamos a participação dos leitores e navegantes, tendo como foco a pergunta, se houve acidente ou foi uma execução (sabotagem) no avião que conduzia o ex-ministro do STF Teori Zavascki e outras quatro pessoas. Após a análise dos comentários, e-mails recebidos e também sobre as primeiras informações acerca das investigações, escreveremos novamente sobre o tema.

Inicialmente é preciso registrar, que quase a totalidade dos comentários apontaram para execução ou sabotagem, dando a entender que o brasileiro está muito incrédulo e desconfiado das instituições e pessoas investigadas, dentre elas Lula, Aécio, Temer, Romero Jucá, Renan, Cunha, Serra, dentre tantos outros que estão sendo investigados, passando de 200 no total.

Outro ponto a ser registrado diz respeito as investigações até agora divulgadas, já que elas denotam que nada de anormal foi registrado nos registros de áudio do gravador encontrado no avião, ou seja, nenhum ruído de sabotagem, ou fala do piloto, como pedido de socorro, que aponte para falha na aeronave, chegando a ser cogitado de desorientação do piloto e mal tempo, na difícil aproximação, que teve que ser realizada para pouso no aeroporto de Parati-RJ, que estava sendo operado manualmente, e não com a ajuda dos equipamentos da aeronave. Investigações preliminares sugerem que o piloto tentou aproximação e não conseguiu pousar, já que teve de arremeter (subir novamente) para tentar pousar, em seguida, sem sucesso, já que o avião caiu no mar, numa distância de apenas 4 Km da pista.

Ao nosso sentir, não existe crime perfeito, nem podemos nos apegar em teorias conspiratórias, sem uma clara fundamentação técnica por parte da investigação, e apenas gostaríamos de uma articulada, séria, rápida e integrada investigação por parte de todos os órgãos envolvidos (PF, MPF, PC, Aeronáutica-CENIPA) a fim de extirpar as dúvidas da sociedade brasileira, revelando as verdadeiras causas do ocorrido, numa conclusiva investigação, dando uma efetiva resposta ao país e às famílias enlutadas.


Fique atento a próxima edição, que será divulgada na próxima segunda aqui no blog do Adielson Galvão, na coluna Hora da Cidadania, e registramos a gratidão pelas interessantes participações.