TEFNET

TEFNET

ERGO 30

ERGO 30

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

VIP

VIP

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

DONA MACAXEIRA

DONA MACAXEIRA

AGRESTE CENTRAL PERNAMBUCO

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

POLÍCIA CIVIL DIVULGA RETRATO FALADO DE DOIS DOS CINCO BANDIDOS QUE TROCARAM TIROS COM A PM E QUE RESULTOU NO JORNALISTA ALEXANDRE FARIAS SENDO BALEADO NA CABEÇA



A Polícia Civil apresentou na manhã desta segunda-feira (18) na sede da Dinter-01 em Caruaru, os retratos falados de dois dos indivíduos que trocaram tiros com a Polícia Militar na noite do último sábado (16) no bairro Alto do Moura. Participaram da coletiva o chefe da Polícia Civil no Estado, Dr. Joselito Amaral, o chefe da Dinter-01 Dr. Nehemias Falcão, o chefe da Dinter-01 da Polícia Militar, o Coronel Morais, o presidente do inquérito Dr. Márcio Cruz e a gerente da Polícia Científica Dra. Sandra.


De acordo com a Polícia Militar, cinco bandidos tinham roubado um veículo Corolla no bairro Indianópolis, nisso a Central de Rádio do 4º BPM comunicou o caso as guarnições que faziam o patrulhamento na área, houve um acidente com moto no Alto do Moura, no qual uma adolescente acabou se machucando e o Samu foi acionado e quando estava socorrendo a vítima no local para imobilizá-la e levá-la ao Hospital Regional do Agreste, foi feito o bloqueio do trânsito e PMs que passavam numa viatura viram o carro que tinha acabado de ser roubado e foram tentar abordá-lo mas foram recebidos a bala pelos marginais, houve o revide a injusta agressão e os bandidos fugiram abruptamente e furaram o bloqueio do Samu e atropelaram o condutor, a socorrista e a adolescente que estava recebendo os primeiros socorros.

O delegado Joselito Amaral, disse que todos os esforços da Polícia Civil estão sendo disponibilizados, inclusive com a instalação de uma delegacia de combate ao narcotráfico e outras duas delegacias móveis pela cidade e fazendo parte desse aporte foi designada uma equipe do IITB (Instituto de Identificação Tavares Buril), que veio a Caruaru e através do depoimento das vítimas que foram assaltadas pelos bandidos, confeccionaram dois retratos falados, dos marginais.


O delegado Márcio Cruz, que está presidindo o inquérito, informou que os quatro policiais envolvidos na troca de tiros com os criminosos entregaram as quatro pistolas espontaneamente e que os marginais responderão pelo roubo qualificado, por tentativa de homicídio e lesão corporal grave, mas é de extrema importância que a população colabore com a investigação denunciando os marginais, dizendo quem são e informando o paradeiro deles e para isso a Polícia Civil está disponibilizando dois telefones com o aplicativo Whatsapp 9 9488-7099 ou 9 9488-7527 além do Disque-Denúncia Agreste (81) 3719-4545 e o denunciante terá a garantia do anonimato.