TEFNET

TEFNET

ERGO 30

ERGO 30

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

VIP

VIP

CENTRAL BURGUER

CENTRAL BURGUER

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

NORDESTE RASTREAMENTO 24H

NORDESTE RASTREAMENTO 24H

terça-feira, 29 de agosto de 2017

DOIS HOMENS DE CARUARU FORAM ASSASSINADOS NA ZONA RURAL DE SÃO CAETANO


"Du" foi morto no local com golpes de facão.






Fábio, morreu no HRA.
A esposa e a enteada do "Du" se esconderam embaixo dessa cama.
Foram assassinados na manhã desta terça-feira (29), no Sítio Boa Vista, próximo ao posto fiscal, na zona rural de São Caetano, Eduardo do Rosário Silva, conhecido por “Du” de 36 anos, que morava na Avenida Oscar Laranjeira, na Vila do Aeroporto e o cunhado, Fábio Silva das Montanhas, de 36 anos, que residia na Avenida Leão Dourado, no bairro Kennedy. “Du” foi morto a golpes de facão e o Fábio foi assassinado a tiros. Eles não tinham passagem pela polícia.

De acordo com o Comissário José Alves, as vítimas estavam com um roçado na localidade e dormiam todos numa casinha na beira da estrada e hoje pela manhã alguns já haviam acordado e os dois homens estavam na frente da casa, quando foram surpreendidos com a chegada de três elementos encapuzados, um entrou no imóvel com uma arma em punho e efetuou vários disparos atingindo o Fábio, que mesmo baleado, saiu correndo e foi encontrado caído no roçado e como não havia mais munições os criminosos mataram o Eduardo com o facão que foi encontrado dentro da casa, em seguida pegaram a chave de um Fiat Uno pertencente ao Eduardo e fugiram do local no carro da vítima.

O Fábio foi socorrido pelo Samu e levado ao Hospital Regional do Agreste, em Caruaru, onde recebeu atendimento médico e faleceu no final da manhã. O Comissário disse que existe uma grande probabilidade de os meliantes terem ido ao local para matar as vítimas e de terem roubado o veículo para despistar a polícia. Ele informou ainda que eles só não mataram a esposa e a enteada do “Du”, porque não quiseram, elas se esconderam embaixo da cama, mas foram descobertas por eles e para que eles não as matassem, a mãe disse que a filha estava grávida.


Os dois corpos foram encaminhados para o IML de Caruaru.