TEFNET

TEFNET

ERGO 30

ERGO 30

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

VIP

VIP

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

terça-feira, 1 de agosto de 2017

COLUNA FIQUE POR DENTRO COM O ADVOGADO EDUARDO FLORÊNCIO



DIREITOS E DEVERES DO ADVOGADO

Uma das profissões mais difíceis é a do Advogado, pois dele se espera sempre um resultado para os problemas que afligem a sí ou sua família, sendo sabedor disto, a maioria das pessoas desconhece os direitos e deveres que o Advogado tem, principalmente relacionado ao Código de Ética ao qual o mesmo tem que seguir.

O Advogado pode atuar em qualquer Estado do País, de forma a poder acompanhar o cliente onde o mesmo desejar, entretanto, muitos pensam que o Advogado tem a obrigação do resultado, quando mesmo não o tem, o que possui são os argumentos possíveis para cada caso e o conhecimento sobre determinadas normas e jurisprudências para o auxiliar na ação pretendida pelo seu cliente.

Cada ato do mesmo pode ser responsabilizado: Art. 32. O advogado é responsável pelos atos que, no exercício profissional, praticar com dolo ou culpa.

Parágrafo único. Em caso de lide temerária, o advogado será solidariamente responsável com seu cliente, desde que coligado com este para lesar a parte contrária, o que será apurado em ação própria.

CAPÍTULO IX - Das Infrações e Sanções Disciplinares
Art. 34. Constitui infração disciplinar:

IX - prejudicar, por culpa grave, interesse confiado ao seu patrocínio;

XI - abandonar a causa sem justo motivo ou antes de decorridos dez dias da comunicação da renúncia;

XXI - recusar-se, injustificadamente, a prestar contas ao cliente de quantias recebidas dele ou de terceiros por conta dele;

Em sendo assim e começando a conhecer um pouco mais das obrigações dos Advogados, seguem algumas dicas no sentido de proporcionar maiores garantias para os clientes e para os Advogados, além de ser item presente no Estatuto.:

Façam contrato de honorários e leiam atentamente cada cláusula antes de assinar, pois ali estarão as informações de onde começa e termina o trabalho do mesmo, além do valor e forma de pagamento dos honorários.

Saibam antes de qualquer coisa, que o Advogado que promete soltar um preso está mentindo, ou mesmo dar um prazo para isto acontecer, pois, o Advogado é o meio de acesso à Justiça, mas quem decide é o Juiz, o Advogado somente utilizará dos meios e argumentos disponíveis para chegar ao resultado, mas não pode garanti-lo.

Não aceitem cobranças de valores além do acordado no contrato, salvo se lá estiverem descritas cobranças adicionais.

Exijam o recibo do que foi pago e em caso de negativa ou de não cumprir o que foi acordado procure a OAB e tome as atitudes cabíveis.

Lembre-se que o não pagamento dos honorários fará com que o Advogado deixe a defesa do contratante.

Receber uma parte dos honorários e informar que o restante será pago quando o cliente que se encontra preso sair, é uma forma de iludir as pessoas, pois, não se tem um prazo para uma liberdade, não se deixe iludir.

Estas são algumas dicas importantes para quem necessita de um Advogado.


Hoje se encerram as minhas publicações no Blog do Adielson, foram algumas semanas de informações sérias e importantes com a finalidade única e exclusiva de proporcionar a população um maior conhecimento de seus direitos, quero agradecer a cada um que por alguns minutos se dedicou a leitura desta coluna, agradeço ainda ao amigo Adielson que acreditou e acredita que a informação é o Pilar para uma nova sociedade, muito obrigado à todos e nunca deixem de lutar pelos seus direitos... Que Deus os proteja sempre!