AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

quinta-feira, 30 de junho de 2022

POLÍCIA CIVIL ESCLARECE DETALHES DA INVESTIGAÇÃO DA MORTE DO IDOSO QUE FOI MORTO Á MARTELADAS EM CARUARU

 


A Polícia Civil reuniu a imprensa na manhã desta quinta-feira (30), no auditório da DINTER 1 em Caruaru, onde passou detalhes da investigação da morte do idoso, Edson Teixeira da Silva, de 68 anos, que foi assassinado á marteladas no final de semana passado no bairro Nova Caruaru. Ele foi atacado no quintal de casa, foi atingido por algumas marteladas, foi socorrido pelo filho e o genro, que o levaram para a Casa de Saúde Santa Efigênia. No mesmo dia foi transferido para o Hospital da Restauração no Recife, onde morreu no dia seguinte.


O idoso foi assassinado pelo comerciante, Erick Raoni Branco Melo, de 32 anos, que na última terça-feira se entregou na Divisão de Homicídios e desde então está preso na Penitenciária Juiz Plácido de Souza. Ele confessou o cometimento do crime, mas não informou os detalhes.


A delegada que preside a investigação é a Dra. Polyana Figueiredo, que estava de plantão na DEAH – Divisão Especial de Apuração de Homicídios, que se empenhou no caso com a sua equipe, coletou depoimentos e com a ajuda do NIA da Polícia Militar e da Polícia Rodoviária Federal, conseguiu identificar o criminoso e já no sábado solicitou a expedição do mandado de prisão pela Vara Privativa do Júri e de pronto foi atendida.


O delegado chefe da 19ª Delegacia de Homicídios de Caruaru, Dr. Bruno Machado, destacou que o trabalho da colega foi de excelência, que foi fundamental para que o criminoso estivesse preso e que desde que ela tomou conhecimento do atentado, não descansou, até que o criminoso fosse identificado, até conseguiu que fosse decretada a sua prisão. O delegado não confirmou o latrocínio.


Participaram da coletiva a Presidente do Inquérito Dra. Polyana Figueiredo; o gerente de controle operacional da Dinter 1, Dr. Bruno Vital; o delegado chefe da Dinter 1, Dr. Jean Rockfeller; o chefe da Divisão de Homicídios na área da Dinter 1, Dr. Eric Costa e o delegado chefe da 19ª Delegacia de Homicídos, Dr. Bruno Machado.