TEFNET

TEFNET

ERGO 30

ERGO 30

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

VIP

VIP

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

CLÍNICA SEMPRE SAÚDE

domingo, 5 de março de 2017

EX-PRESIDIÁRIO DA “OPERAÇÃO AVELOZ” FOI EXECUTADO EM FRENTE DE CASA NO BAIRRO CIDADE JARDIM, EM CARUARU









Por volta das 2 horas e 30 minutos da tarde deste sábado (04) foi executado na porta de casa na Rua R-4 no bairro Cidade Jardim, o ex-presidiário, Josenaldo Antônio da Silva, vulgo “Jorge Satanás” de 48 anos. Ele estava na rua e ao voltar pra casa foi assassinado com quatro tiros, sendo um no ombro direito, um no joelho esquerdo e dois na cabeça. No local foram encontradas cinco cápsulas de munição de pistola calibre 380.

O soldado P. Guimarães, que participou do isolamento do local informou que as informações de como o crime aconteceu ainda são imprecisas, algumas pessoas disseram que o assassino chegou em um veículo Astra prata e outras disseram que foi mais de uma pessoa que executam a vítima e que teria chegado em um veículo Siena prata, houve também informes de que um elemento numa moto deu cobertura ao assassino.

O delegado da Força Tarefa de Homicídios, Dr. Francisco Souto Maior, disse que o “Jorge Satanás” foi preso na Operação Aveloz que foi deflagrada há quase 10 anos em Caruaru pela Polícia Federal, que prendeu 32 pessoas acusadas de integrarem um grupo de extermínio que foi responsabilizado de ter cometido mais de 200 homicídios na região. O delegado disse que vários processados nessa operação foram assassinados como Cabeção, Nildo Bocada, Manezinho, João dos Canários e que a morte do “Jorge Satanás” pode está relacionada com as demais.


O corpo da vítima foi encaminhado para o IML de Caruaru.