AUTO VIP

AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

1ª VAQUEJADA PARQUE FERNANDO LUCENA

1ª VAQUEJADA PARQUE FERNANDO LUCENA

quinta-feira, 25 de abril de 2019

AUDIÊNCIA DA FRENTE PARLAMENTAR DE SEGURANÇA PÚBLICA PROMOVE INTERIORIZAÇÃO DO DEBATE




A primeira audiência pública externa da Frente Parlamentar de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) aconteceu na manhã desta quinta-feira, 25, no Clube Intermunicipal de Canhotinho, Agreste Meridional. A reunião contou com a participação de profissionais, autoridades e da população em geral. No total, foram contabilizadas mais de 400 pessoas no evento. A interiorização das ações parlamentares em prol da segurança pública foi o grande tema do encontro.

O coordenador-geral da Frente, deputado estadual Delegado Lessa (Progressistas) destacou que o caráter do colegiado busca aprofundar o debate público. “A principal característica de uma audiência pública é a capacidade de ausculta da população. Fizemos um debate amplo e propositivo, que vai resultar em respostas às demandas do povo”, avaliou, anunciando que a Frente Parlamentar conquistou um assento para participar das reuniões do Pacto Pela Vida a partir do dia 09 de maio, de modo que poderá contribuir ainda mais vigorosamente na implementação de políticas públicas de segurança no estado de Pernambuco.

Lessa apresentou dados relacionados à violência no município de Canhotinho e na região, mediante levantamento realizado a partir dos principais indicadores do programa Pacto Pela Vida. Os índices têm mostrado redução na criminalidade – para se ter uma ideia, durante o primeiro trimestre de 2019 houve uma diminuição de 27,6% no número de homicídios em relação ao mesmo período do ano passado.

O deputado estadual Álvaro Porto (PTB) – que solicitou a realização da audiência pública quando da inauguração da Frente, no último dia 09 – ressaltou a grande participação de populares na programação. Segundo ele, a segurança pública é um assunto que precisa ser debatido com os mais diversos setores, pois se relaciona com direitos essenciais, como a vida, a liberdade e o direito à propriedade dos cidadãos.

Várias pessoas participaram da audiência fazendo perguntas aos parlamentares e às demais autoridades que compuseram a Mesa. Assuntos como violência contra a mulher, abuso de autoridade e medidas preventivas contra as drogas fizeram parte da discussão. Destarte, a interiorização de ações preventivas da Polícia, bem como a implementação de salas exclusivas nas delegacias para o atendimento de mulheres, idosos e crianças serão resultados da audiência pública.

Para o prefeito do município de Canhotinho, Felipe Porto (PSD), o momento foi propício no sentido de apresentar demandas, avanços e desafios referentes à área. “O interesse de lutar por uma melhor segurança pública é de todos nós”, pontuou.

Estiveram presentes na audiência pública os deputados Joel da Harpa (PP) e Fabrizio Ferraz (PHS); o promotor de Justiça Romualdo Siqueira; o prefeito de Lajedo, Rossine Blésmany; o gerente operacional da Polícia Civil Sérgio Moura; o tenente-coronel do 9º Batalhão da Polícia Militar, Paulo César; o Inspetor Inaldo, da Polícia Rodoviária Federal; o delegado de Polícia Civil de Canhotinho, Helianthus Soares Bezerra; a secretária da Mulher de Canhotinho, Maria José e a presidente da Câmara de Vereadores de Canhotinho, vereadora Sarah Leandro, entre outros.

Representantes do projeto de Atendimento de Educação Especializado da secretaria Municipal de Educação fizeram tradução simultânea em Libras de toda a audiência. Ademais, estudantes da Escola Municipal Áurea Mesquita abrilhantaram o evento, ao executarem o Hino Nacional.

Foto: Viliane Gomes