AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

sexta-feira, 17 de abril de 2020

COLUNA OPINIÃO DE MULHER COM A ENFERMEIRA E PROFESSORA UNIVERSITÁRIA NAYARA SOUSA




PROFISSIONAIS CLAMAM POR EPIs

Diante do crescimento acelerado dos casos de COVID-19 no mundo, um problema tem sido alvo de constantes debates: a falta de equipamentos de proteção individual. A escassez de EPIs é uma realidade mundial e que tem gerado uma verdadeira disputa e corrida contra o tempo em diversos países.

No Brasil, esse problema é crônico e foi potencializado pela pandemia. Os profissionais que atuam na linha de frente da assistência estão adoecendo gradativamente, além de estarem sob o estresse da exposição rotineira de um vírus novo, sem tratamento ou vacina.

Em Pernambuco, 486 profissionais da saúde já foram contaminados e afastados de suas atividades, além de óbitos registrados, como o da enfermeira Neide Ribeiro, que atuava no Hospital dos Servidores do Estado e Policlínica e Maternidade Professor Barros Lima; e da enfermeira Fernanda Correia, que trabalhava no Hospital da Restauração, em Recife.

O cenário é preocupante e os profissionais clamam por proteção. Em Caruaru, durante um programa na Rádio Cidade, nessa última quinta-feira (16), uma enfermeira encaminhou uma denúncia de que no município os profissionais estão atuando sem o fornecimento adequado de EPIs. Em Caruaru, foram oficializados pela Secretaria de Saúde mais três casos de COVID-19, totalizando 13 casos, incluindo duas mortes.

Essa situação a cada dia tem se tornado mais caótica e gerado muita indignação de toda a sociedade. Compreendemos a importante crise exposta, inclusive no fornecimento de materiais. Mas, paralelamente, os profissionais tem arriscado suas vidas diariamente, e o poder público precisa adotar imediatamente soluções para amenizar e/ou solucionar o mais rápido possível esse problema. O adoecimento dos profissionais, unido ao déficit de leitos, se não corrigidos, contribuirá de forma significativa para o colapso na saúde.

Essa foi a minha Opinião de Mulher de hoje. Nos acompanhe através das redes sociais. Instagram: Nayara_gsousa e Facebook: Nayara Sousa.