AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

segunda-feira, 25 de janeiro de 2021

COLUNA DO DELEGADO LESSA

 


Os ‘furas-filas’ da vacina contra a covid

A chegada das vacinas contra a covid-19 acendeu um sinal de esperança em meio ao grave cenário da pandemia. De acordo com o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação, estamos na fase 01 de aplicação do imunizante, que deve atender aos grupos prioritários: trabalhadores de saúde; pessoas institucionalizadas com 60 anos de idade ou mais; pessoas institucionalizadas com deficiência e população indígena aldeada.

Entretanto, vêm sendo multiplicadas as denúncias de favorecimento a pessoas que, mesmo não fazendo parte de nenhum dos grupos considerados prioritários, teriam recebido a primeira dose da vacina contra o novo coronavírus. As pessoas que, pelos mais diversos motivos, aproveitam-se para ‘furar a fila’ da vacinação desconsideram a gravidade da situação. O Brasil registrou 217 mil óbitos pela doença; a média móvel de mortes está acima de mil por quatro dias consecutivos.

As denúncias de profissionais de saúde coagidos por autoridades a aplicar a dose da vacina aumentam em todo o país. Mais de 10 estados têm processos instaurados para apurar as denúncias. É a velha prática de ‘senhores feudais’, que se consideram melhores do que o povo, e querem jogar na lama princípios insculpidos na constituição federal (art. 37) que são legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência.

Não podemos tolerar esses abusos! Para tanto, denunciar é fundamental. Em Pernambuco, o Ministério Público (MPPE) disponibilizou canais com essa finalidade, como o telefone da ouvidoria (81) 99677.0707 (das 13h às 17h), o número 127 (das 09h às 13h) e o WhatsApp 99679.0221, além do facebook.com/ouvidoriamppe e do site (www.mppe.mp.br). Você também pode e deve procurar a delegacia mais próxima. A correta aplicação das vacinas salva vidas. Não podemos permitir que o vírus da corrupção atue de forma silenciosa e assassina, ofuscando a esperança que está surgindo em nosso horizonte.