PREFEITURA DE CARUARU

PREFEITURA DE CARUARU

AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

quarta-feira, 27 de janeiro de 2021

PRESO NO CENTRO DE CARUARU HOMEM QUE TENTOU MATAR DESAFETO COM MAIS DE VINTE GOLPES DE FACÃO NO FIM DE SEMANA EM SÃO JOSÉ DA COROA GRANDE

 


Na manhã desta quarta-feira (27), por meio de ação conjunta entre as equipes da 82ª Delegacia de Policia de São José da Coroa Grande e da 89ª Delegacia de Policia de Caruaru, sob comando dos Delegados Marivon Gomes e Elson Gouveia, respectivamente, com assessoria da Diretoria de Inteligência – DINTEL, deram cumprimento ao Mandado de Prisão Preventiva expedido pela Comarca da Cidade São José da Coroa Grande, relacionado ao crime de Tentativa de Homicídio, previsto no artigo 121, combinado com o artigo 14, inciso II do Código Penal, em desfavor de José Ailton da Silva.

O crime ocorreu no final da tarde do último sábado (23), na Travessa da Rua Antônio Alfredo de Moraes, via pública do bairro Casamar, na cidade de São José da Coroa Grande, litoral sul de Pernambuco. Na ocasião, a vítima identificada como Amaro Braga da Silva Neto, após uma discussão foi atingida por, aproximadamente, vinte golpes de facão, ao longo do seu corpo, e só não foi à óbito por circunstâncias alheias à vontade do agente. Após tomar conhecimento do fato, a equipe da 82ª Circunscrição Policial, encetou inúmeras diligências e através de um intenso trabalho investigativo, conseguiu o levantamento de imagens de câmera de segurança e, com apoio do Núcleo de Inteligência, conseguiu identificar o agressor. Em posse dessas informações, de forma célere, o Delegado que preside o Inquérito Policial Marivon Gomes, representou pela prisão preventiva do autor que, na data de hoje, 27/01/2021, por volta das 10h:30min, foi detido por Policiais Civis no centro da cidade de Caruaru, ao sair de um escritório de advocacia.

Impende destacar que a Policia Civil desde o dia do fato trabalhou diuturnamente com fito de promover uma resposta rápida e efetiva à criminalidade que casos como esse requer, demonstrando com essa ação que o Estado trabalha com bastante afinco para combater todos os crimes, sobretudo aqueles crimes violentos, a fim de restabelecer a paz social e segurança na comunidade.

Após os procedimentos cabíveis, o envolvido foi conduzido ao Sistema Penitenciário, ficando à disposição da Justiça.