PREFEITURA DE CARUARU

AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

sexta-feira, 22 de janeiro de 2021

DOIS BANDIDOS FORAM MORTOS NUMA TROCA DE TIROS COM A POLÍCIA MILITAR EM CARUARU

 









Dois marginais foram mortos numa troca de tiros com a Polícia Militar, no final da manhã desta sexta-feira (22) em Caruaru. Renato Jerônimo da Silva, de 24 anos e Elisson dos Santos Silva, de 21 anos, tinham acabado de cometer um assalto no Sítio Peladas, na zona rural de Caruaru, quando reagiram a uma abordagem da PM no Distrito Industrial.

De acordo com informações uma guarnição que estava passando pela via local da BR 232 copiou a ocorrência e os policiais viram um Fiat Siena vermelho descrito na denúncia, trafegando pela rodovia sentido Caruaru, viram quando eles pegaram a via local, nisso os policiais seguiram o carro suspeito, os elementos perceberam que estavam sendo seguidos e já no Distrito Industrial ao verem outras viaturas, atiraram contra o policiamento e entraram em uma rua, só que mais adiante há um lago, o motorista perdeu o controle e o carro caiu num barranco, porém ao invés de se entregarem novamente atiraram nos policiais, houve o revide a injusta agressão e dois bandidos acabaram sendo baleados, enquanto que um terceiro, que estava armado conseguiu se evadir.

Os dois marginais baleados estavam armados, um com um revólver e o outro com uma espingarda calibre 12, eles foram socorridos pelos PMs e levados para o Hospital Regional do Agreste, onde faleceram minutos após darem entrada e já na delegacia os policiais foram informados que além desse assalto no Sítio Peladas os elementos tomaram um Fiat Siena durante a madrugada numa lanchonete no bairro Salgado e ontem foram a cidade de Altinho, onde assaltaram pessoas que participavam de um velório e levaram de uma delas esse veículo Siena vermelho, que eles cometeram esse assalto hoje de manhã.

O Elisson estava com um Registro de Nascimento na carteira e depois os pais dele souberam de sua morte, foram até a delegacia, onde informaram que ele estava fugado do presídio de Canhotinho, onde cumpria pena e que possivelmente usava o documento do irmão para se passar por ele.

Ao todo os policiais apreenderam com os bandidos, um revólver calibre 38 com cinco munições, sendo quatro deflagradas e uma intacta; uma espingarda calibre 12 com três cartuchos; oito Smartphones; dois tablets; um toca CD; um módulo de som automotivo, a importância de 363 reais e o carro que havia sido roubado.

Os corpos foram encaminhados para o IML local.