AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

FOCUS CURSOS

FOCUS CURSOS

quinta-feira, 14 de maio de 2020

COLUNA OPINIÃO DE MULHER COM A ENFERMEIRA E PROFESSORA UNIVERSITÁRIA NAYARA SOUSA



AULAS DA REDE MUNICIPAL DE CARUARU: QUEM ACOMPANHARÁ?

No último dia 8, a prefeitura de Caruaru anunciou o plano adotado para continuidade das aulas na rede municipal. Cerca de quase 43 mil alunos estavam sem aula desde o dia 17 de Março, devido as medidas sanitárias de combate e prevenção do Coronavírus, onde um decreto suspendeu todas as atividades das instituições de ensino na cidade.

Através de uma parceria com a Câmara Municipal, as aulas estão sendo transmitidas através da TV Câmara e YouTube, de segunda à sexta-feira. A prefeitura também informou que irá disponibilizar material impresso, por meio de apostilas que serão entregues aos alunos.

As medidas foram anunciadas e causaram muita confusão entre os professores, diretores e famílias, pois não ficou clara como seria a condução desse processo, assim como muitos professores alegaram desinformação e falta de treinamentos para adaptação ao momento. Mesmo havendo um calendário de reuniões para capacitação, muitos não foram convocados e ficaram sabendo do início das aulas de suas disciplinas, pelos próprios familiares dos estudantes.

Esse é um momento frágil, que requer de todos os gestores muita habilidade e boa comunicação, para que ocorra a garantia das aulas e aprendizado, de uma forma que se diminua os danos gerados pela pandemia. Sabemos que o prejuízo para a vida escolar das crianças e adolescentes, é sem precedentes. Levará muito tempo para resgatar todo esse tempo!

Faltou a Secretaria de Educação de Caruaru mais clareza com o processo, mais respeito com a sua equipe, que fica apreensiva em ter que dar conta de um desafio gigante.

Será que as crianças da zona rural, por exemplo, conseguirão acompanhar essas aulas? Sabemos da dificuldade de acesso as redes, e o quanto os professores utilizam diariamente toda a sua didática para tentar garantir em sala presencial, o aprendizado. Imagine agora essas crianças e suas famílias para tentar atender a esse novo modelo! As aulas pela TV duram entre 10 a 30 minutos, em média, a depender do ano escolar.

Sinceramente, o cumprimento dessas aulas representa mais uma resposta de que algo está sendo feito, do que de fato a garantia da continuidade do processo educacional. Quando fazemos um comparativo de como a rede privada está conduzindo suas aulas, o distanciamento de realidades é gritante! É entristecedor! Quem perde com isso? Nossas crianças e adolescentes.

Essa foi a minha Opinião de Mulher de hoje. Me acompanhe através das Redes Sociais. Instagram: Nayara_gsousa e Facebook: Nayara Sousa