PREFEITURA DE CARUARU

AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

terça-feira, 22 de junho de 2021

OPERAÇÃO EM CINCO ESTADOS VISA PRENDER 18 SUSPEITOS DE TRÁFICO DE DROGAS E LAVAGEM DE DINHEIRO

Ação acontece em Pernambuco, Acre, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Norte. Também foram emitidos 26 mandados de busca e apreensão domiciliar, sequestro e bloqueio de bens.





Polícia Civil de Pernambuco deflagrou, nesta terça-feira (22), a operação Suborno para prender 18 suspeitos de tráfico de drogas e lavagem de dinheiro e com mandados expedidos para o estado e também para o Acre, Mato GrossoMato Grosso do Sul e Rio Grande do Norte.

Ao todo, a Sexta Vara Criminal do Recife emitiu 20 mandados de prisão, sendo dois para alvos que já estavam no sistema prisional, e 26 de busca e apreensão domiciliar, sequestro de imóveis e veículos e bloqueio judicial de ativos financeiros. Ao menos um carro e uma moto foram apreendidos.

As investigações que resultaram na Operação Suborno tiveram início em julho de 2020, sob a responsabilidade do delegado Ivaldo Pereira.

Até a última atualização desta reportagem, a corporação ainda não havia divulgado quantos mandados foram expedidos para cada estado e quais municípios recebem a operação. Pelo menos uma moto e um carro foram apreendidos pela polícia.

Os presos no Recife e Região Metropolitana foram encaminhados à sede do Grupo de Operações Especiais (GOE), no bairro do Cordeiro, na Zona Oeste da capital.

Ao todo, 130 policiais civis foram empregados na operação, entre delegados, agentes e escrivães. Segundo a corporação, a ação contou com apoio da Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública (Seopi/MJSP) e da Polícia Civil dos estados para onde os mandados foram expedidos.



A equipe da 7ª Delegacia do Denarc – Departamento de Repressão e Combate ao Narcotráfico, de Caruaru, tendo á frente o delegado Dr. Márcio Cruz, participou da operação e prendeu um elemento na cidade de Água Clara no Mato Grosso do Sul, que é suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas e lavagem de dinheiro.

Fonte: G1