AUTO VIP

AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

RC TECIDOS

RC TECIDOS

GBest SPORT

segunda-feira, 28 de outubro de 2019

COLUNA DO DELEGADO LESSA



Serra dos Cavalos, um patrimônio que precisa ser bem cuidado

Com uma área de 359 hectares, o Parque Natural Municipal Professor João Vasconcelos Sobrinho é um paraíso localizado em Caruaru. É um patrimônio natural muito rico, com biodiversidade de fauna e flora, água abundante e um verdadeiro climatizador na região. O local merece a implementação de políticas públicas permanentes, que ampliem o potencial turístico e garanta a preservação ambiental do Parque, que é mais conhecido como ‘Serra dos Cavalos’.

A nossa única reserva ecológica precisa receber uma atenção maior por parte do poder público. De 2017 para cá, pelo menos cinco incêndios ocorreram na reserva ou nos arredores. De acordo com especialistas, estas queimadas podem comprometer a qualidade da composição do solo, do ar e da água, além do risco de destruir espécies de árvores e animais que vivem no ambiente – alguns dos tais em risco de extinção.

Os problemas em torno de Serra dos Cavalos podem ser resumidos em apenas um motivo: a ação humana. A falta de ordenação para a realização de algumas trilhas, circulação de motos no interior do parque, a realização de acampamentos e até o consumo de drogas foram algumas das irregularidades já identificadas no parque.

Diante deste cenário, é urgente a necessidade de implementar ações preventivas de forma permanente. Preocupado com a preservação de Serra dos Cavalos, apresentei na Assembleia Legislativa o Projeto de Lei nº 557/2019, que concede ao parque o título de patrimônio turístico e paisagístico do Estado de Pernambuco. Caso seja aprovado, o poder público estadual deverá promover ações de preservação e desenvolvimento sustentável do lugar. Tenho confiança que os demais deputados estaduais, principalmente os que têm base em Caruaru, bem como o Poder Executivo, serão sensíveis à causa, colocando-se favoravelmente ao projeto.

Serra dos Cavalos está para o ecoturismo assim como a Feira da Sulanca está para o Polo Têxtil do Agreste. É preciso cuidar bem do local, para resguardar o futuro das próximas gerações, integrando o meio ambiente com o turismo e o desenvolvimento econômico e social.