AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

RC TECIDOS

RC TECIDOS

GBest SPORT

sexta-feira, 15 de novembro de 2019

POLÍCIA CIVIL REALIZA OPERAÇÃO E COM O APOIO DA POLÍCIA MILITAR PRENDE ELEMENTOS ENVOLVIDOS EM HOMICÍDIOS EM SÃO CAETANO







A Polícia Civil de Pernambuco, deflagrou nestas quarta (13) e quinta-feira (14) em São Caetano, Agreste do estado, a Operação Círculo de Fogo, coordenada pelo delegado Dr. José Luzia Correia Filho, titular da 108º Circunscrição Policial, sediada em São Caetano e vinculada a 15ª DESEC coordenada pela delegada Dra. Luciana Almeida e que contou com o apoio de equipes de outras quatro delegacias da região.

Durante a operação foram cumpridos quatro mandados de prisões, todos pela prática de homicídios, além da lavratura de dois Autos de Prisões em Flagrante. Durante a Operação foram trabalhados cinco Inquéritos Policiais de crimes de homicídios, tendo sido concluídos três e dois instruídos para futura remessa a justiça.

Na operação foram presos: José Allan dos Santos; Edvaldo dos Santos; Rodrigo Caetano dos Santos; Daniel Manoel da Costa; Luciano José da Silva; Francisco de Assis Antônio da Silva e José Roberto Sobrinho. Vinte policiais entre escrivães, delegados e agentes participaram da operação, onde foram apreendidos um revólver calibre 38 com dezenove munições, três coletes balísticos, várias mudas de maconha, 105 papelotes e uma porção da droga, além de um bloco de anotações, referente à negociação do comércio do entorpecente.

Na tarde de ontem, policiais militares efetuaram a prisão de Luciano José da Silva, vulgo “Gordo” e Rodrigo Caetano dos Santos, os quais foram os autores do fato ocorrido no dia 06, do corrente mês e ano, nesta cidade de São Caetano, que culminou na morte da criança Geovana. Em verdade, o alvo principal da dupla era o popular “Léo Tatuado”, sendo que, naquela ocasião, além deste último, também foram atingidas a criança e a companheira de ”Léo Tatuado”.

Todos os indivíduos foram submetidos a exames traumatológicos no hospital local e em seguida foram levados para o Presídio Desembargador Augusto Duque em Pesqueira, onde ficarão a disposição da justiça de São Caetano.