AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

terça-feira, 2 de agosto de 2022

GATI DO 15º BPM, NIA E POLÍCIA CIVIL PRENDERAM MÃE E FILHA TRAFICANDO DROGAS EM BELO JARDIM

 





Nesta segunda-feira (01), o efetivo do GATI – Grupo de Apoio Tático Itinerante do 15º BPM, sob o comando do Tenente Isaki Borges, juntamente com o efetivo do NIA – Núcleo de Inteligência do Agreste e policiais civis da delegacia de Belo Jardim, após levantamento verificaram que na Rua São João no bairro Lagoa em Belo Jardim, um indivíduo deixou uma certa quantidade de drogas num determinado onde foram constatadas as presenças da traficante conhecida como “Nena” e da filha “Bia”, onde passou a se observar uma certa movimentação de usuários de drogas entrando e saindo desse imóvel.

Nisso através do delegado local, foram solicitados os Mandados de Buscas e Apreensões Domiciliares, junto a justiça e o Ministério Público. Enquanto aguardavam o posicionamento da justiça e do Ministério Público, os policiais viram a “Nena” e a filha “Bia” irem a casa da “Bia” levando uma bolsa, na Avenida Bom Conselho. As suspeitas Luciene dos Santos Silva, vulgo “Nena” de 47 anos e a sua filha Ana Beatriz dos Santos Araújo, vulgo “Bia” de 21 anos, foram comunicadas dos mandados judiciais e que estavam a caminho, sendo levados por outra guarnição.

A “Nena” disse aos policiais que queria iria banheiro, foi verificado que ela pegou uma bolsa dentro do banheiro e colocou na parte de trás do imóvel, em seguida ouviu-se um barulho no telhado. Foi cumprido um mandado na Rua São João, onde foram encontradas 136 trouxinhas de maconhas dentro do banheiro, quatro celulares de procedência duvidosa e a quantia de R$ 2.589 em espécie, em seguida os policiais foram dar cumprimento ao mandado na casa da “Bia”, onde localizaram dentro do banheiro a bolsa contendo 1.300 pedras de crack, além de várias pedras maiores que pesaram quase um quilo da droga que ao serem fracionadas renderiam cerca de 7 mil pedras do entorpecente, 30 trouxinhas de cocaína, uma balança de precisão e várias bolsinhas que são utilizadas para acondicionar a droga.

A Polícia Militar calcula que os prejuízos causados a estas duas mulheres envolvidas com o tráfico de drogas, cheguem a 150 mil reais.

As duas suspeitas foram levadas para a delegacia de plantão de Belo Jardim, onde foram autuadas em flagrante por tráfico de drogas e hoje serão apresentadas na audiência de custódia.