AUTO VIP

AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

ROTA PROTEÇÃO VEICULAR

GBest SPORT

1ª VAQUEJADA PARQUE FERNANDO LUCENA

1ª VAQUEJADA PARQUE FERNANDO LUCENA

segunda-feira, 7 de outubro de 2019

ADOLESCENTE QUE FOI APREENDIDO SUSPEITO DE TER ASSASSINADO O IRMÃO CONFESSOU O DELITO E DISSE QUE “MATOU PARA NÃO MORRER”







Foi concluído há poucos minutos na 20ª Delegacia de Homicídios de Caruaru, o procedimento que foi realizado em desfavor do menor de 17 anos, que foi apreendido pela Polícia Militar na manhã desta segunda-feira (07), após matar o próprio irmão, Leonardo Chaves de Azevedo, que era conhecido como “Léo Tatuador” de 21 anos, que foi morto a tiros dentro de casa na 2ª Travessa Paraná, no bairro São Francisco. As filmagens da câmera de segurança do vizinho foram cruciais na descoberta da autoria do assassinato.

A delegada adjunta da 20ª Delegacia de Homicídios, Dra. Estefânia Azevedo, disse que inicialmente o menor negou participação no crime, porém com o passar do tempo acabou confessando. Ele tentou justificar o delito afirmando que tinha sido avisado por uma entidade espirita que incorporou num amigo seu e lhe disse que o seu irmão estaria planejando lhe matar e sabendo do seu intento ele foi a casa do irmão que morava sozinho, entrou no imóvel aproveitando que o irmão deixava a chave na fechadura, entrou e segundo ele matou o irmão com a própria arma dele, em seguida se livrou da arma deixando-a em via pública e depois foi chamar um amigo da vítima e depois foram ao 4º BPM informar que seu irmão foi assassinado. A delegada realizou o procedimento análogo ao Auto de Prisão em Flagrante por homicídio qualificado e encaminhará o menor infrator a análise de uma das promotoras da Vara da Infância e Juventude que irá decidir pelo seu futuro. Em relação ao dinheiro que a mãe da vítima disse que ele guardava, que supostamente foi roubado pelo menor, a autoridade policial afirmou que como o dinheiro não foi encontrado não deu para caracterizar o ato infracional análogo a latrocínio.