AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

sábado, 10 de abril de 2021

UM BANDIDO FOI BALEADO, UM FOI PRESO E UM FUGIU APÓS TROCAREM TIROS COM POLICIAIS DO 1º BIESP QUE FLAGRARAM UM ASSALTO COMETIDO PELO TRIO

 




Três marginais foram flagrados assaltando um motoqueiro na tarde deste sábado (10), pelos soldados Yakan, Ramos e Patriota do 1º BIEsp, a viatura seguia pela BR 232, sentido São Caetano e em frente a entrada do bairro Agamenom viram os bandidos que estavam no sentido contrário, em um veículo Corsa sedan dourado, abordando a vítima, os rapidamente pararam a viatura e estavam atravessando a pé, quando os  marginais viram os policiais começaram a atirar no efetivo que reagiu a injusta agressão a altura, atirando contra os meliantes e um dos bandidos foi atingido por um dos disparos e felizmente nenhum policial e nem a vítima que ficou no meio do fogo-cruzado, se feriram.

André.

Eduardo.

O marginal baleado, André Carlos da Silva, de 26 anos, foi socorrido pelo Samu e levado para o Hospital Regional do Agreste, onde está sendo custodiado pela PM, Eduardo José Silva de Vila, de 31 anos, foi preso em flagrante, enquanto que o terceiro, José Thalisson de Lima, de 24 anos, conseguiu fugir na moto da vítima uma Honda Bros 160 preta, placa PCX-6012. Várias incursões foram realizadas para capturar o terceiro bandido, mas sem êxito.


Quem souber do paradeiro do Thalisson que entre em contato com a Polícia Militar através do 190, pois além do assalto que cometeu hoje ele já tem Mandado de Prisão Preventiva em aberto, mas muito cuidado que ele está armado.

O carro que os marginais estavam, um Corsa dourado, placa DGI-7393 de São Paulo - SP é roubado.



No final da tarde a moto foi abandonada próximo ao Hospital Regional do Agreste e foi levada para a delegacia para ser restituída ao proprietário.

O André e o material apreendido foram levados para o plantão policial, onde foi lavrado o flagrante contra ele e o Eduardo por roubo e receptação, o André vai ser apresentado na audiência de custódia e Eduardo o só quando receber alta médica.