PREFEITURA DE CARUARU

AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

quinta-feira, 6 de janeiro de 2022

CASAL FOI BALEADO NO BAIRRO SALGADO EM CARUARU, FOI SOCORRIDO PARA O HRA, ONDE A MULHER QUE ESTAVA GRÁVIDA DE SETE MESES MORREU E A BEBÊZINHA QUE ELA GERAVA NO VENTRE, TAMBÉM ACABOU MORRENDO

 



Uma tragédia acometeu uma família na noite desta quinta-feira (06) em Caruaru. Cristina Vieira da Silva, de 35 anos, que estava grávida de sete meses e o esposo, Deivison Cruz da Silva, de 35 anos, foram baleados em casa na Rua Amilson Afonso no bairro Salgado, foram socorridos e levados para o Hospital Regional do Agreste, onde Cristina faleceu alguns minutos após dar entrada e a bebezinha que ele gerava no ventre também não resistiu e acabou falecendo.


O delegado chefe da 3ª Divisão de Homicídios do Agreste, Dr. Eric Costa, que está de plantão na DEAH – Divisão Especial de Apuração de Homicídios, disse que as vítimas estavam em casa acompanhadas de alguns amigos, quando esses amigos foram embora um elemento que estava na frente da casa há algum tempo foi até a porta da casa do casal que estava aberta, pediu água e quando o Deivison se virou para ir buscar a água o elemento sacou uma arma de fogo e efetuou um disparo que atingiu o Deivison no ombro, ele tentou fugir do algoz e correu para a cozinha do imóvel, o elemento foi atrás dele e atirou pelo menos mais duas vezes e um desses disparos atingiram a esposa dele no pescoço. O delegado não descartou a hipótese de um crime á mando e afirmou que o Deivison afirmou não conhecer o assassino e que possivelmente o alvo era ele. A autoridade policial disse que inicialmente o caso está sendo tratado como uma tentativa de homicídio seguida de assassinato, porém não descartou a possibilidade de duplo homicídio, no entanto precisa saber se a criança chegou a nascer viva ou se morreu no ventre da mãe.

Este foi o quarto assassinato no mês de janeiro e consecutivamente também o quarto do ano de 2022 e os corpos foram encaminhados para o IML local.