AUTO VIP

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

ARTESÃO AZIVAN GALVÃO

FOCUS CURSOS

FOCUS CURSOS

terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

“TEREZA DO CRACK” FOI PRESA MAIS UMA VEZ EM CARUARU



Foi presa furtando no Parque 18 de Maio, nesta segunda-feira, dia 17 de fevereiro de 2020, Terezinha Galdêncio, a conhecida “Tereza do Crack” de 60 anos, que foi presa na segunda da semana passada, ao ser localizada graças ao rastreamento de um celular que ela furtou na feira da sulanca. Ela foi autuada em flagrante na ocasião, mas foi beneficiada com o arbitramento da fiança que foi estipulado em 1.200 reais, ela pagou e foi posta em liberdade.


“Tereza do Crack” estava na companhia de Rafaela Bezerra da Silva, de 27 anos, que também foi presa. De acordo com a Polícia Militar, as duas suspeitas estavam na feira do milho quando furtaram dois celulares de duas vítimas que perceberam a subtração e se atracaram com as acusadas, nisso uma equipe de segurança entrou em ação e deteve as imputadas até a chegada do policiamento que conduziu as duas para o plantão da 3ª DP.









“Tereza do Crack” é avó de Edilson Michael Galdêncio da Silva, de 19 anos, que foi morto na quarta-feira da semana passada na Favela Salgadinho, após tomar uma moto de assalto em Agrestina e ao ser descoberto pela Polícia Militar em Caruaru ao invés de se render trocou tiros com os policiais e levou a pior, foi baleado e morreu no HRA. “Tereza” também é mãe do ex-presidiário, Manoel Rodrigues de Souza Júnior, vulgo “Junior de Tereza do Crack” de 41 anos, que foi assassinado no dia 28 de janeiro no Residencial Luiz Bezerra Torres, quando visitava uma amiga.

O delegado Dr. Eduardo Sunaga, autuou a Terezinha e a Rafaela por furto qualificado por concurso de pessoas e agora pela manhã serão apresentadas na audiência de custódia.